Processo : 2019/2028(BUD)
Ciclo de vida em sessão
Ciclo relativo ao documento : A9-0035/2019

Textos apresentados :

A9-0035/2019

Debates :

PV 26/11/2019 - 13
CRE 26/11/2019 - 13

Votação :

PV 27/11/2019 - 6.5
CRE 27/11/2019 - 6.5
Declarações de voto

Textos aprovados :

P9_TA(2019)0071

<Date>{20/11/2019}20.11.2019</Date>
<NoDocSe>A9-0035/2019</NoDocSe>
PDF 294kWORD 86k

<TitreType>RELATÓRIO</TitreType>

<Titre>sobre o projeto comum de orçamento geral da União Europeia para o exercício de 2020, aprovado pelo Comité de Conciliação no quadro do processo orçamental</Titre>

<DocRef>(00000/2019 – C9-0000/2019 – 2019/2028(BUD))</DocRef>


<Commission>{CODE}Delegação do Parlamento Europeu ao Comité de Conciliação</Commission>

Relatoras:  <Depute>Monika Hohlmeier (Secção III – Comissão)</Depute>

 <Depute>Eider Gardiazabal Rubial (outras secções)</Depute>

PROJETO DE RESOLUÇÃO LEGISLATIVA DO PARLAMENTO EUROPEU
 ANEXO
 PROCESSO DA COMISSÃO COMPETENTE QUANTO À MATÉRIA DE FUNDO

PROJETO DE RESOLUÇÃO LEGISLATIVA DO PARLAMENTO EUROPEU

sobre o projeto comum de orçamento geral da União Europeia para o exercício de 2020, aprovado pelo Comité de Conciliação no quadro do processo orçamental

(00000/2019 – C9-0000/2019 – 2019/2028(BUD))

O Parlamento Europeu,

 Tendo em conta o projeto comum aprovado pelo Comité de Conciliação e as declarações do Parlamento Europeu, do Conselho e da Comissão que se lhe referem (00000/2019 – C9-0000/2019),

 Tendo em conta o projeto de orçamento geral da União Europeia para o exercício de 2020, aprovado pela Comissão em 5 de julho de 2019 (COM(2019)0400),

 Tendo em conta a posição sobre o projeto de orçamento geral da União Europeia para o exercício de 2020, adotada pelo Conselho em 3 de setembro de 2019 e transmitida ao Parlamento Europeu em 13 de setembro de 2019 (11734/2019 – C9-0119/2019),

 Tendo em conta a carta retificativa n.° 1/2020 ao projeto de orçamento geral da União Europeia para o exercício de 2020, apresentada pela Comissão em 15 de outubro,

 Tendo em conta a sua resolução, de 23 de outubro de 2019, relativa à posição do Conselho sobre o projeto de orçamento geral da União Europeia para o exercício de 2020[1] e as alterações orçamentais que ela comporta,

 Tendo em conta o artigo 314.º do Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia,

 Tendo em conta o artigo 106.º-A do Tratado que institui a Comunidade Europeia da Energia Atómica,

 Tendo em conta a Decisão 2014/335/UE, Euratom do Conselho, de 26 de maio de 2014, relativa ao sistema de recursos próprios da União Europeia[2],

 Tendo em conta o Regulamento (UE, Euratom) 2018/1046 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 18 de julho de 2018, relativo às disposições financeiras aplicáveis ao orçamento geral da União, que altera os Regulamentos (UE) n.° 1296/2013, (UE) n.° 1301/2013, (UE) n.° 1303/2013, (UE) n.° 1304/2013, (UE) n.° 1309/2013, (UE) n.° 1316/2013, (UE) n.° 223/2014, (UE) n.° 283/2014, e a Decisão n° 541/2014/UE, e revoga o Regulamento (UE, Euratom) n.° 966/2012[3],

 Tendo em conta o Regulamento (UE, Euratom) n.º 1311/2013 do Conselho, de 2 de dezembro de 2013, que estabelece o quadro financeiro plurianual para o período 2014-2020[4],

 Tendo em conta o Acordo Interinstitucional, de 2 de dezembro de 2013, entre o Parlamento Europeu, o Conselho e a Comissão sobre a disciplina orçamental, a cooperação em matéria orçamental e a boa gestão financeira[5],

 Tendo em conta os artigos 95.º e 96.º do seu Regimento,

 Tendo em conta o relatório da sua delegação ao Comité de Conciliação (A9-0035/2019),

1. Aprova o projeto comum;

2. Confirma as declarações comuns do Parlamento Europeu, do Conselho e da Comissão anexas à presente resolução;

3. Regista as declarações da Comissão anexas à presente resolução;

4. Encarrega o seu Presidente de declarar o orçamento geral da União Europeia para o exercício de 2020 definitivamente aprovado e de prover à sua publicação no Jornal Oficial da União Europeia;

5. Encarrega o seu Presidente de transmitir a presente resolução legislativa ao Conselho, à Comissão, às outras instituições e organismos interessados, bem como aos parlamentos nacionais.


ANEXO

DEFINITIVO
Orçamento 2020 – Elementos das conclusões comuns

 

As presentes conclusões comuns abrangem as seguintes secções:

1. Orçamento de 2020

2. Declarações

SÍNTESE

Segundo os elementos das conclusões comuns:

- O nível global das dotações de autorização no orçamento de 2020 é fixado em 168 688,1 milhões de EUR, o que deixa uma margem de 1 492,3 milhões de EUR abaixo dos limites máximos do QFP para 2020.

 Tal corresponde a um aumento global de 400,0 milhões de EUR em comparação com o projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020.

- O nível global de dotações de pagamento no orçamento de 2020 é fixado em 153 566,2 milhões de EUR.

 Tal corresponde a uma diminuição global de 49,1 milhões de EUR em comparação com o projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020.

 

 

Autorizações

Pagamentos

Nível final das dotações (em milhões de EUR)

168 688,1

153 566,2

Em % do RNB 28

0,99%

0,90%

 

 O Instrumento de Flexibilidade para 2020 é mobilizado em dotações de autorização num montante de 778,1 milhões de EUR para a categoria 3 Segurança e Cidadania.

- A margem global para autorizações é utilizada em 269,6 milhões de EUR para as categorias 1a Competitividade para o crescimento e o emprego e 1b Coesão Económica, Social e Territorial.

- A margem para imprevistos mobilizada em 2017 é compensada num montante de 252,0 milhões de EUR com as margens não afetadas da categoria 5 Administração.

- A Comissão estima em 849,8 milhões de EUR as dotações de pagamento para 2020 relativas à mobilização do Instrumento de Flexibilidade em 2017, 2018, 2019 e 2020.

- As disponibilidades restantes para 2020 estão sintetizadas no quadro seguinte:

Em milhões de EUR (preços de 2019)

Margem de autorizações abaixo dos limites máximos do QFP para 2020

1 492,3

Instrumentos especiais atualmente disponíveis

1 216,9

Instrumento de Flexibilidade

141,3

Margem global relativa às autorizações (de 2018)

1 075,6

Outros instrumentos especiais disponíveis em 2020

1 463,5

Instrumento de Flexibilidade

 

De dotações anuladas (2019) do Fundo Europeu de Ajustamento à Globalização

173,5

De dotações anuladas (2018) do Fundo de Solidariedade da União Europeia

-

Margem global relativa às autorizações (de 2019)

1 290,0

Total

4 172,7


1. Orçamento de 2020

1.1. Rubricas «encerradas»

Salvo indicação em contrário, adiante mencionada, das presentes conclusões, são confirmadas todas as rubricas orçamentais que não foram alteradas pelo Conselho ou pelo Parlamento, bem como as rubricas relativamente às quais o Parlamento aceitou as alterações do Conselho, durante as suas respetivas leituras.

No que respeita às outras rubricas orçamentais, o Comité de Conciliação chegou a acordo sobre as conclusões constantes dos pontos 1.2 a 1.7 infra.

 

1.2. Questões horizontais

Agências descentralizadas

A contribuição da UE (em dotações de autorização e pagamento e número de lugares) para as agências descentralizadas é estabelecida no nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativo n.º 1/2020, com exceção,

 no âmbito da categoria 1a:

o da Agência Europeia dos Produtos Químicos (ECHA, artigo 02 03 03), relativamente à qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre uma redução de 1 000 000 EUR;

o da Agência do GNSS Europeu (GSA, artigo 02 05 11), à qual são atribuídos 5 lugares suplementares e relativamente à qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre um aumento de 370 000 EUR;

o do Centro Europeu para o Desenvolvimento da Formação Profissional (CEDEFOP, artigo 04 03 13), relativamente ao qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre uma redução de 300 000 EUR.

 no âmbito da categoria 2:

o da Agência Europeia do Ambiente (EEA, artigo 07 02 06), à qual são atribuídos 5 lugares suplementares e relativamente à qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre um aumento de 1 300 000 EUR.

 no âmbito da categoria 3:

o da Agência da União Europeia para a Cooperação Policial (Europol, artigo 18 02 04), à qual são atribuídos 10 lugares suplementares e relativamente à qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre um aumento de 13 000 000 EUR;

o da Agência Europeia de Medicamentos (EMA, artigo 17 03 12 01), à qual são atribuídos 5 lugares suplementares e relativamente à qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre um aumento de 2 000 000 EUR;

o do Gabinete Europeu de Apoio em matéria de Asilo (EASO, artigo 18 03 02), relativamente ao qual as dotações de autorização e pagamento na reserva sofrem uma redução de 24 685 306 EUR;

o da Agência Europeia para a Cooperação Judiciária Penal (EUROJUST, artigo 33 03 04), relativamente à qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre um aumento de 1 700 000 EUR;

o da Agência Europeia de Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Externas (FRONTEX, artigo 18 02 03), relativamente à qual o nível das dotações de autorização e pagamento sofre uma redução de 8 734 813 EUR;

o da Procuradoria Europeia (EPPO, artigo 33 03 05) à qual são atribuídos 5 lugares suplementares.

 

Agências de execução

A contribuição da UE (em dotações de autorização e pagamento e número de lugares) para as agências de execução são fixados ao nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa 1/2020.

 

Projetos-piloto/Ações preparatórias

É acordado um pacote global de 78 projetos-piloto/ações preparatórias (PP/AP), num montante total de 140,0 milhões de EUR em dotações de autorização.

Quando uma ação preparatória ou um projeto-piloto está coberto por uma base jurídica existente, a Comissão pode propor a transferência de dotações para a base jurídica correspondente, a fim de facilitar a implementação da ação.

Este pacote respeita inteiramente os limites máximos para projetos-piloto e ações preparatórias estabelecidos no Regulamento Financeiro.

 

1.3. Categorias de despesa do quadro financeiro – dotações de autorização

 

Após ter tido em conta as conclusões precedentes relativas a rubricas orçamentais «encerradas», agências, projetos-piloto e ações preparatórias, o Comité de Conciliação acordou o seguinte:

 

Categoria 1a - Competitividade para o crescimento e o emprego

As dotações de autorização são fixadas no nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, mas com os ajustamentos acordados no Comité de Conciliação que figuram no quadro seguinte:

 

 

 

 

Em EUR

Rubrica orçamental / Programa

Designação

Variação das dotações de autorização

PO 2020 (incl. CR1)

Orçamento de 2020

Diferença

1.1.31

Horizonte 2020

 

 

302 000 000

02 04 03 01

Concretização de uma economia eficiente na utilização dos recursos e resistente às alterações climáticas e de um aprovisionamento sustentável de matérias-primas

93 815 989

131 326 358

37 510 369

05 09 03 01

Garantia de um abastecimento suficiente de alimentos seguros e de alta qualidade e de outros produtos de base biológica

322 162 041

358 411 695

36 249 654

06 03 03 01

Concretização de um sistema europeu de transportes eficiente na utilização de recursos, ecológico, seguro e sem descontinuidades

82 293 876

102 593 682

20 299 806

08 02 02 02

Promoção do acesso a financiamentos de risco para o investimento em investigação e inovação

463 764 801

390 264 801

-73 500 000

08 02 03 01

Melhorar a saúde e o bem-estar ao longo da vida

648 685 745

675 046 838

26 361 093

08 02 03 03

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

378 723 375

437 834 269

59 110 894

08 02 03 04

Concretização de um sistema europeu de transportes que seja eficiente na utilização dos recursos, respeitador do ambiente, seguro e sem descontinuidades

266 184 054

291 118 104

24 934 050

08 02 03 05

Concretização de uma economia eficiente na utilização dos recursos e resistente às alterações climáticas e de um aprovisionamento sustentável de matérias-primas

335 790 132

357 285 003

21 494 871

08 02 04

Difusão da excelência e alargamento da participação

133 166 041

138 566 660

5 400 619

08 02 07 32

Empresa Comum Iniciativa sobre Medicamentos Inovadores 2 (IMI2)

249 947 970

243 447 970

-6 500 000

08 02 08

Instrumento em favor das PME

587 742 199

659 742 199

72 000 000

09 04 01 01

Reforçar a investigação no domínio das tecnologias futuras e emergentes

446 952 871

453 036 200

6 083 329

09 04 02 01

Liderança nas tecnologias da informação e das comunicações

877 375 691

893 597 902

16 222 211

09 04 03 01

Melhorar a saúde e o bem-estar ao longo da vida

179 751 775

187 862 880

8 111 105

09 04 03 02

Promover a inclusão, a inovação e a reflexão na sociedade europeia

53 632 314

54 632 314

1 000 000

09 04 03 03

Promover sociedades europeias seguras

78 153 053

68 153 053

-10 000 000

15 03 01 01

Ações Marie Skłodowska-Curie — Gerar, desenvolver e transferir novas competências, conhecimentos e inovações

1 024 532 312

1 032 643 417

8 111 105

18 05 03 01

Promover sociedades europeias seguras

195 504 220

185 504 220

-10 000 000

32 04 03 01

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

397 880 594

456 991 488

59 110 894

1.1.32

Programa de Investigação e Formação da Euratom

 

 

-2 200 000

08 03 01 02

Euratom — Cisão nuclear e proteção contra radiações

74 754 023

73 354 023

-1 400 000

10 03 01

Atividades Euratom de investigação direta

13 701 830

12 901 830

-800 000

1.1.4

Programa para a Competitividade das Empresas e pequenas e médias empresas (COSME)

 

 

5 000 000

02 02 02

Melhorar o acesso das pequenas e médias empresas (PME) ao financiamento sob a forma de investimentos em fundos próprios e de empréstimos

264 160 000

269 160 000

5 000 000

1.1.5

Educação, Formação e Desporto (Erasmus+)

 

 

50 000 000

15 02 01 01

Promover a excelência e a cooperação na Europa no domínio da educação e da formação e a sua pertinência para o mercado de trabalho

2 497 651 602

2 538 161 453

40 509 851

15 02 01 02

Promover a excelência e a cooperação na Europa no domínio da juventude e a participação dos jovens na vida democrática na Europa

187 211 158

194 795 054

7 583 896

15 02 02

Promover a excelência no ensino e nas atividades de investigação sobre a integração europeia através da Ação Jean Monnet a nível mundial

47 056 540

48 962 793

1 906 253

1.1.6

Emprego e Inovação Social (EaSI)

 

 

-2 000 000

04 03 02 01

Progress — Apoiar o desenvolvimento, a aplicação, o acompanhamento e a avaliação da política da União em matéria social e de emprego e a legislação sobre condições de trabalho

78 400 000

77 900 000

-500 000

04 03 02 03

Microfinanciamento e Empreendedorismo Social — Melhorar o acesso ao financiamento e a sua disponibilidade para as pessoas individuais e coletivas, em especial as mais afastadas do mercado de trabalho, e para as empresas sociais

15 735 000

14 235 000

-1 500 000

1.1.81

Energia

 

 

95 800 000

32 02 01 01

Maior integração do mercado interno da energia e interoperabilidade das redes de eletricidade e gás através das fronteiras

394 706 000

450 506 000

55 800 000

32 02 01 02

Aumentar a segurança do aprovisionamento de energia da União

394 528 000

414 528 000

20 000 000

32 02 01 03

Contribuir para o desenvolvimento sustentável e a proteção do ambiente

394 498 586

414 498 586

20 000 000

1.1.82

Transporte

 

 

37 000 000

06 02 01 01

Eliminar os estrangulamentos, reforçar a interoperabilidade ferroviária, colmatar as ligações em falta e melhorar os troços transfronteiriços

1 732 979 805

1 764 429 805

31 450 000

06 02 01 02

Garantir sistemas de transportes sustentáveis e eficientes

333 547 370

339 097 370

5 550 000

1.1.AGD

Agências descentralizadas

 

 

-930 000

02 03 03

Agência Europeia dos Produtos Químicos — Legislação relativa às substâncias químicas

59 827 657

58 827 657

-1 000 000

02 05 11

Agência do GNSS Europeu

34 232 619

34 602 619

370 000

04 03 13

Centro Europeu para o Desenvolvimento da Formação Profissional (Cedefop)

18 115 490

17 815 490

-300 000

1.1.OTH

Outras ações e programas

 

 

-200 000

26 02 01

Procedimentos de celebração e de publicação dos contratos públicos de fornecimentos, de obras e de serviços

7 200 000

7 000 000

-200 000

1.1.PPPA

Projetos-piloto e ações preparatórias

 

 

85 365 000

1.1.SPEC

Ações financiadas no âmbito das prerrogativas da Comissão e competências específicas conferidas à Comissão

 

 

-1 500 000

02 03 01

Funcionamento e desenvolvimento do mercado interno dos produtos e serviços

32 027 000

31 027 000

-1 000 000

09 02 01

Definição e execução da política da União no domínio das comunicações eletrónicas

3 815 000

3 315 000

-500 000

 

Total

 

 

568 335 000

Consequentemente, o nível acordado das dotações de autorização é fixado em 25 284,8 milhões de EUR, sem qualquer margem abaixo do limite máximo das despesas da subcategoria 1a e utilizando a margem global relativa às autorizações num montante de 93,8 milhões de EUR.

O Comité de Conciliação acorda igualmente em não disponibilizar novamente as dotações de autorização em conformidade com o artigo 15.º, n.º 3, do Regulamento Financeiro.

 

Categoria 1b — Coesão económica, social e territorial

As dotações de autorização são fixadas no nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, mas com o ajustamento acordado no Comité de Conciliação que figura no quadro seguinte:

 

 

 

 

Em EUR

Rubrica orçamental / Programa

Designação

Variação das dotações de autorização

PO 2020 (incl. CR1)

Orçamento de 2020

Diferença

1.2.5

Iniciativa para o Emprego dos Jovens (dotação complementar específica)

 

 

28 333 333

04 02 64

Iniciativa para o Emprego dos Jovens

116 666 667

145 000 000

28 333 333

1.2.PPAP

Projetos-piloto e ações preparatórias

 

 

5 600 000

 

Total

 

 

33 933 333

Consequentemente, o nível acordado das dotações de autorização é fixado em 58 645,8 milhões de EUR, sem qualquer margem abaixo do limite máximo das despesas da subcategoria 1b e utilizando a margem global relativa às autorizações num montante de 175,8 milhões de EUR.


Categoria 2 – Crescimento sustentável: Recursos naturais

As dotações de autorização são fixadas no nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, mas com os ajustamentos acordados no Comité de Conciliação que figuram no quadro seguinte:

 

 

 

 

Em EUR

Rubrica orçamental / Programa

Designação

Variação das dotações de autorização

PO 2020 (incl. CR1)

Orçamento de 2020

Diferença

2.0.10

Fundo Europeu Agrícola de Garantia (FEAGA) — Despesas de mercado e pagamentos diretos

 

 

-72 000 000

05 03 01 10

Regime de pagamento de base (RPB)

16 189 000 000

16 117 000 000

-72 000 000

2.0.4

Ambiente e ação climática (LIFE)

 

 

10 000 000

34 02 01

Redução das emissões de gases com efeito de estufa da União

80 328 388

85 883 944

5 555 556

34 02 02

Aumentar a resistência da União às alterações climáticas

44 350 000

47 524 603

3 174 603

34 02 03

Melhor governação e informação em matéria de ambiente a todos os níveis

16 298 500

17 568 341

1 269 841

2.0.DAG

Agências descentralizadas

 

 

1 300 000

07 02 06

Agência Europeia do Ambiente

40 418 782

41 718 782

1 300 000

2.0.PPPA

Projetos-piloto e ações preparatórias

 

 

22 514 881

 

Total

 

 

-38 185 119

Consequentemente, o nível acordado de dotações de autorização é fixado em 59 907,0 milhões de EUR, o que deixa uma margem de 514,0 milhões de EUR abaixo do limite máximo das despesas da categoria 2.

 

Categoria 3 – Segurança e cidadania

As dotações de autorização são fixadas no nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, mas com os ajustamentos acordados no Comité de Conciliação que figuram no quadro seguinte:

 

 

 

 

Em EUR

Rubrica orçamental / Programa

Designação

Variação das dotações de autorização

PO 2020 (incl. CR1)

Orçamento de 2020

Diferença

3.0.11

Europa Criativa

 

 

7 500 000

09 05 01

Subprograma MEDIA — Operar aos níveis transnacional e internacional e promover a circulação e a mobilidade transnacionais

115 923 000

120 923 000

5 000 000

15 04 01

Reforçar a capacidade financeira das PME e das organizações de pequenas e de muito pequenas dimensões nos setores culturais e criativos da Europa e promover o desenvolvimento das políticas e novos modelos comerciais

38 241 000

39 241 000

1 000 000

15 04 02

Subprograma Cultura — Apoiar ações transfronteiriças e promover a circulação e a mobilidade transnacionais

75 246 000

76 746 000

1 500 000

3.0.5

Direitos, Igualdade e Cidadania

 

 

1 200 000

33 02 01

Garantia da proteção dos direitos e capacitação dos cidadãos

28 605 000

29 805 000

1 200 000

3.0.6

Mecanismo de Proteção Civil da União

 

 

-15 000 000

23 03 01 01

Prevenção e preparação para catástrofes na União

137 788 000

122 788 000

-15 000 000

3.0.7

Europa para os Cidadãos

 

 

1 000 000

18 04 01 01

Europa para os cidadãos — Reforçar a memória e melhorar a capacidade de participação cívica a nível da União

25 959 000

26 959 000

1 000 000

3.0.8

Alimentos para consumo humano e animal

 

 

-1 500 000

17 04 01

Contribuir para um estatuto de saúde animal mais elevado e um elevado nível de proteção dos animais na União

171 000 000

169 500 000

-1 500 000

3.0.DAG

Agências descentralizadas

 

 

-16 720 119

17 03 12 01

Contribuição da União para a Agência Europeia de Medicamentos

32 285 000

34 285 000

2 000 000

18 02 03

Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira (Frontex)

420 555 842

411 821 029

-8 734 813

18 02 04

Agência da União Europeia para a Cooperação Policial (Europol)

139 964 760

152 964 760

13 000 000

18 03 02

Gabinete Europeu de Apoio em matéria de Asilo

133 012 725

108 327 419

-24 685 306

33 03 04

Agência Europeia para a Cooperação Judiciária Penal (Eurojust)

39 640 496

41 340 496

1 700 000

3.0.PPAP

Projetos-piloto e ações preparatórias

 

 

22 520 119

3.0.SPEC

Ações financiadas no âmbito das prerrogativas da Comissão e competências específicas conferidas à Comissão

 

 

1 000 000

09 05 05

Ações multimédia

20 732 000

21 732 000

1 000 000

 

Total

 

 

0

Consequentemente, o nível acordado das dotações de autorização é fixado em 3 729,1 milhões de EUR, sem qualquer margem abaixo do limite máximo das despesas da categoria 3 e mobilizando 778,1 EUR através do Instrumento de Flexibilidade.

 

Categoria 4 – Europa Global

As dotações de autorização são fixadas no nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, mas com os ajustamentos acordados no Comité de Conciliação que figuram no quadro seguinte:

 

 

 

 

Em EUR

Rubrica orçamental / Programa

Designação

Variação das dotações de autorização

PO 2020 (incl. CR1)

Orçamento de 2020

Diferença

4.0.1

Instrumento de Assistência de Pré-Adesão (IPA II)

 

 

-85 000 000

05 05 04 02

Turquia - Apoio ao desenvolvimento económico, social e territorial e respetivo alinhamento progressivo com o acervo da União

28 178 364

18 178 364

-10 000 000

22 02 03 01

Turquia - Apoio às reformas políticas e respetivo alinhamento progressivo com o acervo da União

160 000 000

150 000 000

-10 000 000

22 02 03 02

Turquia - Apoio ao desenvolvimento económico, social e territorial e respetivo alinhamento progressivo com o acervo da União

65 000 000

0

-65 000 000

4.0.10

Assistência macrofinanceira (AMF)

 

 

-7 000 000

01 03 02

Assistência macrofinanceira

27 000 000

20 000 000

-7 000 000

4.0.2

Instrumento Europeu de Vizinhança (IEV)

 

 

25 000 000

22 04 01 03

Países mediterrânicos — Instauração de um clima de confiança, segurança e prevenção e resolução de conflitos

401 220 115

421 220 115

20 000 000

22 04 02 01

Parceria Oriental — Direitos humanos, boa governação e mobilidade

251 379 012

252 879 012

1 500 000

22 04 02 02

Parceria Oriental — Redução da pobreza e desenvolvimento sustentável

385 828 623

389 328 623

3 500 000

4.0.3

Instrumento de Cooperação para o Desenvolvimento (ICD)

 

 

20 000 000

21 02 07 01

Ambiente e alterações climáticas

216 473 403

222 473 403

6 000 000

21 02 07 02

Energia sustentável

96 210 401

110 210 401

14 000 000

4.0.5

Instrumento Europeu para a Democracia e os Direitos Humanos (IEDDH)

 

 

-5 000 000

19 04 01

Melhoria da fiabilidade dos processos eleitorais, nomeadamente através de missões de observação eleitoral

48 442 462

43 442 462

-5 000 000

4.0.OTH

Outras ações e programas

 

 

2 000 000

13 07 01

Apoio financeiro para a promoção do desenvolvimento económico da comunidade cipriota turca

33 762 000

35 762 000

2 000 000

4.0.PPPA

Projetos-piloto e ações preparatórias

 

 

4 000 000

 

Total

 

 

-46 000 000

Consequentemente, o nível acordado de dotações de autorização é fixado em 10 261,6 milhões de EUR, o que deixa uma margem de 248,4 milhões de EUR abaixo do limite máximo das despesas da categoria 4.

 

Categoria 5 – Administração

O número de lugares dos quadros de pessoal das instituições e as dotações propostas pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, são acordados pelo Comité de Conciliação, com as seguintes exceções:

 A secção do Parlamento, relativamente à qual são aprovados os seguintes aumentos das dotações de autorização e de pagamento resultantes do Estatuto dos Deputados e do adiamento da saída do Reino Unido da União Europeia decidido em 28 de outubro de 2019 pelo Conselho Europeu: 410 000 EUR na rubrica orçamental 1 0 0 0 Vencimentos, 408  000 EUR na rubrica orçamental 1 0 0 4 Despesas ordinárias de viagem, 12 000 EUR na rubrica orçamental 1 0  0 5 Outras despesas de viagem, 900 000 EUR na rubrica orçamental 1 0 0 6 Subsídio de despesas gerais, 6 050 000 EUR na rubrica orçamental 1 0 2 Subsídios transitórios, 12 000 EUR na rubrica orçamental 3 2 2 Despesas de documentação, 68 000  EUR na rubrica orçamental 3 2 4 4  Organização e receção de grupos de visitantes, programa Euroscola e convites a multiplicadores de opinião de países terceiros e 1 463 000 EUR na rubrica orçamental 4 2 2 Despesas relativas à assistência parlamentar;

 A secção do Conselho, relativamente à qual é aprovada a respetiva leitura.

 

Além disso, o impacto no orçamento de 2020 da atualização automática dos salários a aplicar a partir de 1 de julho de 2019 (2,0 % em vez de 3,1 %) é integrado em todas as secções das Instituições do seguinte modo:

 

em EUR

Parlamento

-10 922 000

Conselho

-3 627 000

Comissão (incluindo as pensões)

-52 453 000

Tribunal de Justiça

-3 393 000

Tribunal de Contas

-1 380 000

Comité Económico e Social Europeu

-819 672

Comité das Regiões

-610 000

Provedor de Justiça Europeu

-111 000

Autoridade Europeia para a Proteção de Dados

-64 000

Serviço Europeu para a Ação Externa

-3 529 000

Total

-76 908 672

Consequentemente, o nível acordado das dotações de autorização é fixado em 10 272,1 milhões de EUR, o que deixa uma margem de 729,9 milhões de EUR abaixo do limite máximo das despesas da categoria 5, após a utilização de 252,0 milhões de EUR da margem para compensar a mobilização da margem para imprevistos em 2017.

Instrumentos especiais: FEG, RAE e FSUE

As dotações de autorização para o Fundo Europeu de Ajustamento à Globalização (FEG), a Reserva para Ajudas de Emergência (RAE) e o Fundo de Solidariedade da União Europeia (FSUE) são fixadas no nível proposto pela Comissão no projeto de orçamento.

 

1.4. Dotações de pagamento

O nível global das dotações de pagamento no orçamento de 2020 é fixado no nível do projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, com os seguintes ajustamentos acordados pelo Comité de Conciliação:

1. Em primeiro lugar, é tido em conta o nível acordado de dotações de autorização para as despesas não diferenciadas, relativamente às quais o nível das dotações de pagamento é igual ao nível das dotações de autorização. Tal inclui a redução adicional das despesas agrícolas num montante de 72,0 milhões de EUR. Esta abordagem é aplicada, por analogia, à contribuição da UE para as agências descentralizadas. O efeito combinado é uma diminuição de 156,4 milhões de EUR;

2. As dotações de pagamento para todos os novos projetos-piloto e ações preparatórias propostas pelo Parlamento são fixadas em 25% das autorizações correspondentes, ou no nível proposto pelo Parlamento, se este for inferior. No caso de prorrogação dos atuais projetos-piloto e ações preparatórias, o nível de dotações de pagamento é o estabelecido no projeto de orçamento, mais 25% das novas dotações de autorização correspondentes, ou o nível proposto pelo Parlamento, se este for inferior. O efeito combinado é um aumento de 35,0 milhões de EUR.

3. Os ajustamentos relativos às seguintes rubricas orçamentais são acordados em resultado da evolução das dotações de autorização para as despesas diferenciadas:

 

 

 

 

Em EUR

Rubrica orçamental / Programa

Designação

Variação das dotações de pagamento

PO 2020 (incl. CR1)

Orçamento de 2020

Diferença

1.1.31

Horizonte 2020

 

 

87 754 856

02 04 03 01

Concretização de uma economia eficiente na utilização dos recursos e resistente às alterações climáticas e de um aprovisionamento sustentável de matérias-primas

68 500 000

79 753 000

11 253 000

05 09 03 01

Garantia de um abastecimento suficiente de alimentos seguros e de alta qualidade e de outros produtos de base biológica

246 618 066

257 493 066

10 875 000

06 03 03 01

Concretização de um sistema europeu de transportes eficiente na utilização de recursos, ecológico, seguro e sem descontinuidades

72 392 254

78 482 254

6 090 000

08 02 02 02

Promoção do acesso a financiamentos de risco para o investimento em investigação e inovação

120 856 938

98 806 938

-22 050 000

08 02 03 01

Melhorar a saúde e o bem-estar ao longo da vida

597 667 007

605 575 007

7 908 000

08 02 03 03

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

371 904 517

389 637 517

17 733 000

08 02 03 04

Concretização de um sistema europeu de transportes que seja eficiente na utilização dos recursos, respeitador do ambiente, seguro e sem descontinuidades

281 336 863

288 816 863

7 480 000

08 02 03 05

Concretização de uma economia eficiente na utilização dos recursos e resistente às alterações climáticas e de um aprovisionamento sustentável de matérias-primas

270 375 566

276 823 566

6 448 000

08 02 04

Difusão da excelência e alargamento da participação

134 355 325

135 975 325

1 620 000

08 02 07 32

Empresa Comum Iniciativa sobre Medicamentos Inovadores 2 (IMI2)

184 313 342

179 520 198

-4 793 144

08 02 08

Instrumento em favor das PME

532 049 827

553 649 827

21 600 000

09 04 01 01

Reforçar a investigação no domínio das tecnologias futuras e emergentes

466 500 000

468 325 000

1 825 000

09 04 02 01

Liderança nas tecnologias da informação e das comunicações

711 700 000

716 567 000

4 867 000

09 04 03 01

Melhorar a saúde e o bem-estar ao longo da vida

147 200 000

149 633 000

2 433 000

09 04 03 02

Promover a inclusão, a inovação e a reflexão na sociedade europeia

47 700 000

48 000 000

300 000

09 04 03 03

Promover sociedades europeias seguras

55 400 000

52 400 000

-3 000 000

15 03 01 01

Ações Marie Skłodowska-Curie — Gerar, desenvolver e transferir novas competências, conhecimentos e inovações

862 725 632

865 158 632

2 433 000

18 05 03 01

Promover sociedades europeias seguras

168 549 256

165 549 256

-3 000 000

32 04 03 01

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

398 861 189

416 594 189

17 733 000

1.1.32

Programa de Investigação e Formação da Euratom

 

 

-1 100 000

08 03 01 02

Euratom — Cisão nuclear e proteção contra radiações

92 297 374

91 597 374

-700 000

10 03 01

Atividades Euratom de investigação direta

12 000 000

11 600 000

-400 000

1.1.4

Programa para a Competitividade das Empresas e pequenas e médias empresas (COSME)

 

 

5 000 000

02 02 02

Melhorar o acesso das pequenas e médias empresas (PME) ao financiamento sob a forma de investimentos em fundos próprios e de empréstimos

210 000 000

215 000 000

5 000 000

1.1.5

Educação, Formação e Desporto (Erasmus+)

 

 

50 000 000

15 02 01 01

Promover a excelência e a cooperação na Europa no domínio da educação e da formação e a sua pertinência para o mercado de trabalho

2 375 000 000

2 415 509 851

40 509 851

15 02 01 02

Promover a excelência e a cooperação na Europa no domínio da juventude e a participação dos jovens na vida democrática na Europa

180 000 000

187 583 896

7 583 896

15 02 02

Promover a excelência no ensino e nas atividades de investigação sobre a integração europeia através da Ação Jean Monnet a nível mundial

46 000 000

47 906 253

1 906 253

1.1.6

Emprego e Inovação Social (EaSI)

 

 

-2 000 000

04 03 02 01

Progress — Apoiar o desenvolvimento, a aplicação, o acompanhamento e a avaliação da política da União em matéria social e de emprego e a legislação sobre condições de trabalho

59 400 000

58 900 000

-500 000

04 03 02 03

Microfinanciamento e Empreendedorismo Social — Melhorar o acesso ao financiamento e a sua disponibilidade para as pessoas individuais e coletivas, em especial as mais afastadas do mercado de trabalho, e para as empresas sociais

23 000 000

21 500 000

-1 500 000

1.1.81

Energia

 

 

28 740 000

32 02 01 01

Maior integração do mercado interno da energia e interoperabilidade das redes de eletricidade e gás através das fronteiras

131 500 000

148 240 000

16 740 000

32 02 01 02

Aumentar a segurança do aprovisionamento de energia da União

128 200 000

134 200 000

6 000 000

32 02 01 03

Contribuir para o desenvolvimento sustentável e a proteção do ambiente

128 300 000

134 300 000

6 000 000

1.1.82

Transporte

 

 

11 100 000

06 02 01 01

Eliminar os estrangulamentos, reforçar a interoperabilidade ferroviária, colmatar as ligações em falta e melhorar os troços transfronteiriços

980 000 000

989 435 000

9 435 000

06 02 01 02

Garantir sistemas de transportes sustentáveis e eficientes

95 000 000

96 665 000

1 665 000

1.1.OTH

Outras ações e programas

 

 

-200 000

26 02 01

Procedimentos de celebração e de publicação dos contratos públicos de fornecimentos, de obras e de serviços

7 200 000

7 000 000

-200 000

1.1.SPEC

Ações financiadas no âmbito das prerrogativas da Comissão e competências específicas conferidas à Comissão

 

 

-1 200 000

02 03 01

Funcionamento e desenvolvimento do mercado interno dos produtos e serviços

26 610 000

25 810 000

-800 000

09 02 01

Definição e execução da política da União no domínio das comunicações eletrónicas

3 000 000

2 600 000

-400 000

1.2.5

Iniciativa para o Emprego dos Jovens (dotação complementar específica)

 

 

3 000 000

04 02 64

Iniciativa para o Emprego dos Jovens

600 000 000

603 000 000

3 000 000

2.0.4

Ambiente e ação climática (LIFE)

 

 

5 000 001

34 02 01

Redução das emissões de gases com efeito de estufa da União

42 000 000

44 777 778

2 777 778

34 02 02

Aumentar a resistência da União às alterações climáticas

22 500 000

24 087 302

1 587 302

34 02 03

Melhor governação e informação em matéria de ambiente a todos os níveis

15 000 000

15 634 921

634 921

3.0.11

Europa Criativa

 

 

6 000 000

09 05 01

Subprograma MEDIA — Operar aos níveis transnacional e internacional e promover a circulação e a mobilidade transnacionais

99 200 000

103 200 000

4 000 000

15 04 01

Reforçar a capacidade financeira das PME e das organizações de pequenas e de muito pequenas dimensões nos setores culturais e criativos da Europa e promover o desenvolvimento das políticas e novos modelos comerciais

29 200 000

30 000 000

800 000

15 04 02

Subprograma Cultura — Apoiar ações transfronteiriças e promover a circulação e a mobilidade transnacionais

66 000 000

67 200 000

1 200 000

3.0.5

Direitos, Igualdade e Cidadania

 

 

1 200 000

33 02 01

Garantia da proteção dos direitos e capacitação dos cidadãos

28 800 000

30 000 000

1 200 000

3.0.6

Mecanismo de Proteção Civil da União

 

 

-15 000 000

23 03 01 01

Prevenção e preparação para catástrofes na União

63 000 000

48 000 000

-15 000 000

3.0.7

Europa para os Cidadãos

 

 

1 000 000

18 04 01 01

Europa para os cidadãos — Reforçar a memória e melhorar a capacidade de participação cívica a nível da União

25 000 000

26 000 000

1 000 000

3.0.SPEC

Ações financiadas no âmbito das prerrogativas da Comissão e competências específicas conferidas à Comissão

 

 

1 000 000

09 05 05

Ações multimédia

22 000 000

23 000 000

1 000 000

4.0.1

Instrumento de Assistência de Pré-Adesão (IPA II)

 

 

-75 000 000

22 02 03 01

Turquia - Apoio às reformas políticas e respetivo alinhamento progressivo com o acervo da União

58 772 300

48 772 300

-10 000 000

22 02 03 02

Turquia - Apoio ao desenvolvimento económico, social e territorial e respetivo alinhamento progressivo com o acervo da União

463 786 099

398 786 099

-65 000 000

4.0.3

Instrumento de Cooperação para o Desenvolvimento (ICD)

 

 

20 000 000

21 02 07 01

Ambiente e alterações climáticas

157 900 000

163 900 000

6 000 000

21 02 07 02

Energia sustentável

50 250 000

64 250 000

14 000 000

4.0.5

Instrumento Europeu para a Democracia e os Direitos Humanos (IEDDH)

 

 

-5 000 000

19 04 01

Melhoria da fiabilidade dos processos eleitorais, nomeadamente através de missões de observação eleitoral

42 000 000

37 000 000

-5 000 000

4.0.OTH

Outras ações e programas

 

 

2 000 000

13 07 01

Apoio financeiro para a promoção do desenvolvimento económico da comunidade cipriota turca

35 000 000

37 000 000

2 000 000

9.0.3

Fundo de Solidariedade da União Europeia (FSUE)

 

 

-50 000 000

13 06 01

Assistência aos Estados-Membros em caso de catástrofes naturais de grandes proporções com repercussões graves nas condições de vida, no ambiente ou na economia

100 000 000

50 000 000

-50 000 000

 

Total

 

 

72 294 857

 

1.5. Reservas

As reservas no orçamento de 2020 são fixadas de acordo com o projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020, com exceção dos artigos 13 06 01 (Fundo de Solidariedade da União Europeia) e 18 03 02 (Gabinete Europeu de Apoio em matéria de Asilo - EASO), para os quais as reservas correspondentes são anuladas.


1.6. Observações orçamentais

Salvo disposição em contrário especificamente tratada nos parágrafos anteriores, são acordadas as alterações introduzidas pelo Parlamento Europeu ou pelo Conselho ao texto das observações orçamentais, com exceção das respeitantes às rubricas orçamentais indicadas nos quadros seguintes:

 Rubricas orçamentais relativamente às quais as alterações introduzidas pelo Parlamento Europeu são aprovadas com a modificação proposta pela Comissão na sua carta de exequibilidade.

Rubrica orçamental

Designação

15 02 01 01

Promover a excelência e a cooperação na Europa no domínio da educação e da formação e a sua pertinência para o mercado de trabalho

19 05 01

Cooperação com os países terceiros a fim de fazer progredir e promover os interesses da União e os interesses mútuos

21 02 07 03

Desenvolvimento humano

21 02 08 01

Papel da sociedade civil no desenvolvimento

21 07 01

Cooperação com a Gronelândia

 Rubricas orçamentais relativamente às quais são aprovadas as respetivas observações orçamentais propostas no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa n.º 1/2020.

Rubrica orçamental

Designação

02 04 03 01

Concretização de uma economia eficiente na utilização dos recursos e resistente às alterações climáticas e de um aprovisionamento sustentável de matérias-primas

06 01 04 01

Despesas de apoio ao Mecanismo Interligar a Europa (MIE) — Transportes

07 02 06

Agência Europeia do Ambiente

08 02 03 03

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

08 02 03 05

Concretização de uma economia eficiente na utilização dos recursos e resistente às alterações climáticas e de um aprovisionamento sustentável de matérias-primas

08 02 07 33

Empresa Comum Bioindústrias (BBI) — Despesas de apoio

09 02 01

Definição e execução da política da União no domínio das comunicações eletrónicas

13 04 61 01

Fundo de coesão — Apoio técnico operacional

21 01 04 05

Despesas de apoio relativas ao Instrumento para a Cooperação no domínio da Segurança Nuclear (ICSN)

32 04 03 01

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

 Rubricas orçamentais relativamente às quais as respetivas observações orçamentais propostas no projeto de orçamento, tal como alterado pela carta retificativa, são aprovadas com as alterações que se seguem.

Rubrica orçamental

Designação

04 03 02 01

Progress — Apoiar o desenvolvimento, a aplicação, o acompanhamento e a avaliação da política da União em matéria social e de emprego e a legislação sobre condições de trabalho

Alterar do seguinte modo:
- encorajar a criação de emprego, promover o emprego da juventude e combater a pobreza, promovendo a convergência social através da marca social  empregos dignos em termos de estabilidade e direitos sociais, promover trabalho aceitável para os jovens e combater a pobreza promovendo a convergência social.

08 02 03 01

Melhorar a saúde e o bem-estar ao longo da vida

Alterar do seguinte modo:
Os objetivos desta atividade são a saúde e o bem-estar ao longo da vida para todos, sistemas de saúde e de cuidados de saúde de elevada qualidade e economicamente sustentáveis, com cuidados de saúde mais personalizados para fins de uma maior eficácia, e oportunidades para novos empregos e crescimento no setor da saúde e das indústrias conexas. Com esse fim em vista, as atividades incidirão na promoção efetiva da saúde e na prevenção de doenças (por exemplo, compreensão dos fatores determinantes da saúde, desenvolvimento de melhores vacinas preventivas). Será prestada uma atenção particular às especificidades da saúde relacionadas com o género e a idade. Além disso, será colocada a tónica na gestão, tratamento e cura das doenças (nomeadamente através de uma maior personalização da medicina), incluindo a luta contra o cancro, e nas deficiências e funcionalidade reduzida (por exemplo, mediante a transferência de conhecimentos para a prática clínica e ações de inovação moduláveis, uma melhor utilização dos dados relativos à saúde e vida autónoma e assistida). Por outro lado, serão envidados esforços para melhorar a tomada de decisões em matéria de prevenção e tratamento, identificar e apoiar a divulgação das melhores práticas no setor dos cuidados de saúde e promover cuidados integrados e a adoção de inovações tecnológicas, organizacionais e sociais que habilitem sobretudo as pessoas mais idosas e as pessoas com deficiência a manterem-se ativas e independentes. Por último, as atividades basear-se-ão numa abordagem atenta às questões de género que reconheça, entre outros aspetos, a posição das mulheres no setor da prestação de cuidados de saúde tanto informal como formal.

08 02 03 03

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

Aditar o seguinte texto:
Será prestada atenção ao contributo para a eliminação do fosso em matéria de investigação e inovação na Europa, sem pôr em causa os critérios de excelência.

08 02 08

Instrumento em favor das PME

Alterar do seguinte modo:
Em conformidade com o artigo 15.º, n.º 3, do Regulamento Financeiro, está disponível um montante de 72 000 000 de EUR em dotações de autorização para este artigo orçamental, para além das anulações de autorizações efetuadas em 2018 em resultado da não execução, total ou parcial, de projetos de investigação.

09 04 02 01

Liderança nas tecnologias da informação e das comunicações

Aditar o seguinte texto:
Tal poderá abranger outros trabalhos de investigação no domínio do desenvolvimento de motores de pesquisa europeus na Internet.

09 04 03 02

Promover a inclusão, a inovação e a reflexão na sociedade europeia

Alterar do seguinte modo:
O objetivo do segundo desafio consiste em «contribuir para a compreensão da base intelectual da Europa e do seu património cultural: a sua história e a multiplicidade de influências europeias e não europeias; enquanto inspiração para as nossas vidas de hoje», bem como a facilitar o acesso e a exploração do património cultural, nomeadamente tendo a vista a futura Nuvem para o Património Cultural Europeu.

32 04 03 01

Efetuar a transição para um sistema energético fiável, sustentável e competitivo

Aditar o seguinte texto:
Será prestada atenção ao contributo para a eliminação do fosso em matéria de investigação e inovação na Europa, sem pôr em causa os critérios de excelência.

32 02 77 12

Ação preparatória — Definição de medidas de apoio abrangente para as regiões carboníferas e com uso intensivo de carbono em transição

Aditar o seguinte texto:

 Criar uma equipa inter-DG para a) identificar domínios de possíveis sinergias entre políticas e programas da União com vista a garantir o apoio financeiro e político mais eficaz após 2020; b) ajudar as regiões (autoridades centrais e locais) no desenvolvimento de estratégias de transição sustentável, fornecendo instrumentos mais específicos para o intercâmbio intrarregional de boas práticas, nomeadamente em matéria de roteiros globais relativos às necessidades de reindustrialização com baixas emissões;

 Reorientar os atuais fóruns de partes interessadas, incluindo o diálogo social e o diálogo com a sociedade civil em geral, para o estabelecimento de estratégias económicas e de transição justa;

 Disponibilizar apoio financeiro adicional, além dos regimes de financiamento existentes, sem redistribuição a partir de outros programas, para a criação de roteiros regionais/locais de transição justa para a neutralidade de carbono até 2050 nas regiões e comunidades mais afetadas. O financiamento adicional também deve apoiar os projetos territoriais/comunitários atuais e futuros que se baseiem na participação dos trabalhadores e das comunidades afetadas através da consulta e do empoderamento.

 Reforçar a Plataforma para as Regiões Carboníferas em Transição e o seu secretariado - que foram instituídos pela ação preparatória em 2018 e prosseguiram em 2019 - a fim de alcançar os objetivos da UE em matéria de clima e cumprir os compromissos assumidos no âmbito do Acordo de Paris, garantindo simultaneamente uma transição energética justa que não deixe para trás as regiões carboníferas, aumentando as dotações a favor da ação preparatória em 2020 e ampliando o seu âmbito a fim de:

 aumentar a assistência técnica e o reforço das capacidades nas regiões carboníferas e com uso intensivo de carbono da UE para, por exemplo, a preparação de estratégias, o desenvolvimento de projetos, o financiamento de projetos e a facilitação dos investimentos privados (20 regiões-piloto participavam na iniciativa da UE em março de 2019, em comparação com quatro regiões em 2017);

 colaborar com os membros e observadores da Comunidade da Energia sobre as «regiões carboníferas em transição», organizando ações de sensibilização a nível regional em cooperação com instituições financeiras internacionais e parceiros internacionais;

 desenvolver uma dimensão social da Plataforma para as Regiões Carboníferas em Transição, aplicando as melhores práticas de inovação social:  requalificação e melhoria das competências dos trabalhadores, bem como programas para jovens e mineiros reformados.

34 02 01

Redução das emissões de gases com efeito de estufa da União

Aditar o seguinte texto:

No que diz respeito aos projetos integrados, será tido em conta um elemento distributivo na seleção dos projetos para facilitar o equilíbrio geográfico. Este elemento reveste-se de caráter indicativo e não deve pressupor afetações ou financiamentos garantidos por Estado-Membro.

34 02 02

Aumentar a resistência da União às alterações climáticas

Aditar o seguinte texto:
No que diz respeito aos projetos integrados, será tido em conta um elemento distributivo na seleção dos projetos para facilitar o equilíbrio geográfico. Este elemento reveste-se de caráter indicativo e não deve pressupor afetações ou financiamentos garantidos por Estado-Membro.

34 02 03

Melhor governação e informação em matéria de ambiente a todos os níveis

Aditar o seguinte texto:
No que diz respeito aos projetos integrados, será tido em conta um elemento distributivo na seleção dos projetos para facilitar o equilíbrio geográfico. Este elemento reveste-se de caráter indicativo e não deve pressupor afetações ou financiamentos garantidos por Estado-Membro.

As alterações introduzidas pelo Parlamento Europeu ou pelo Conselho são acordadas no pressuposto de que não podem modificar ou alargar o âmbito das bases jurídicas existentes, nem pôr em causa a autonomia administrativa das instituições, e que a ação pode ser coberta pelos recursos disponíveis.


 

1.7. Nomenclatura orçamental

A nomenclatura orçamental proposta pela Comissão no projeto de orçamento, tal como alterada pela carta retificativa n.º 1/2020, é acordada com a inclusão dos novos projetos-piloto e ações preparatórias tendo em conta as seguintes alterações.

Rubrica orçamental segundo a leitura do PE

Categoria

Designação/Nova designação

Nova rubrica orçamental

Nova categoria

02 04 77 08

1a

Projeto-piloto — Resiliência da aviação ao empastelamento e a manipulações de dados do GNSS e a ciberameaças

02 04 77 08

1a

06 02 77 25

1a

Projeto-piloto — Rotulagem ecológica no domínio da aviação / Projeto de demonstração para a introdução de um sistema voluntário de rótulo ecológico no setor da aviação com base no portal ecológico da Agência da União Europeia para a Segurança da Aviação

06 02 77 25

1a

06 02 77 26

2

Projeto-piloto — Interconexão da mobilidade urbana com as infraestruturas de transporte aéreo

06 02 77 26

1a

06 02 77 27

2

Projeto-piloto — Revitalização dos comboios noturnos transfronteiriços

06 02 77 27

1a

06 02 77 28

2

Projeto-piloto — Capacidade de ecologização dos portos marítimos europeus

06 02 77 28

1a

09 02 77 15

2

Projeto-piloto — Mobilidade urbana inteligente através de veículos autónomos

09 02 77 15

1a

13 03 77 30

1b

Projeto-piloto — BEST Cultura: programa de apoio à diversidade cultural nos territórios ultramarinos da Europa

13 03 77 30

1b

14 03 77 05

1a

Projeto-piloto — Estudo de viabilidade para um registo de ativos europeu no contexto da luta contra o branqueamento de capitais e a evasão fiscal

12 02 77 11

1a

15 04 77 22

1a

Ação preparatória — Financiamento, Aprendizagem, Inovação e Patentes para os Setores Cultural e Criativo

15 04 77 22

3

15 04 77 23

1a

Ação preparatória - Proteger os cemitérios judaicos europeus: um levantamento completo, com investigação, acompanhamento e uma estimativa dos custos de proteção caso a caso

15 04 77 23

3

32 02 77 16

1a

Ação preparatória — Definição de medidas de apoio abrangente para as regiões carboníferas e com uso intensivo de carbono em transição

32 02 77 12

1a

32 02 77 17

1a

Ação preparatória — Ensinar as ilhas a elaborar concursos públicos no domínio das energias renováveis

32 02 77 16

1a

32 02 77 18

1a

Ação preparatória — Reforçar a cooperação em matéria de ação climática entre aldeias dentro e fora da União Europeia, através da criação de uma identidade rural no âmbito do Pacto de Autarcas.

32 02 77 17

1a

32 02 77 19

1b

Projeto-piloto — Repositório das comunidades da energia – Acompanhamento e apoio às comunidades da energia na União Europeia

32 02 77 18

1a

32 02 77 20

2

Projeto-piloto — Participação das empresas na transição energética

32 02 77 19

1a

33 04 77 07

3

Projeto-piloto — Acessibilidade inclusiva da Web para pessoas com deficiências cognitivas (inclusividade na Web: acesso para todos)

09 04 77 29

3

33 04 77 08

2

Ação preparatória — Avaliar as alegadas diferenças na qualidade de produtos vendidos no Mercado Único

33 04 77 07

1a

 

2. Declarações

 

2.1  Declaração conjunta do Parlamento Europeu, do Conselho e da Comissão sobre o financiamento do EASO

O Parlamento Europeu e o Conselho tomam nota da intenção da Comissão de rever os requisitos de financiamento da Agência da União Europeia para o Asilo (EASO) para o exercício de 2020, uma vez adotada a proposta legislativa de 12 de setembro de 2018 destinada a reforçar as capacidades de apoio operacional da Agência.

O Parlamento Europeu e o Conselho comprometem-se a tratar um eventual pedido de reforço da contribuição da UE para o EASO em 2020, que pode exigir uma transferência ou um projeto de orçamento retificativo da autoridade orçamental, tendo devidamente em conta a sua urgência.

 

2.2. Declaração conjunta do Parlamento Europeu, do Conselho e da Comissão sobre as dotações de pagamento

O Parlamento Europeu e o Conselho recordam a necessidade de garantir, tendo em conta a execução, uma progressão ordenada dos pagamentos em relação às dotações de autorização, a fim de evitar qualquer nível anormal de faturas não pagas no final do exercício.

O Parlamento Europeu e o Conselho exortam a Comissão a continuar a acompanhar de perto e de forma ativa a execução dos programas 2014-2020 (nomeadamente no âmbito da subcategoria 1b e do desenvolvimento rural). Para o efeito, convidam a Comissão a apresentar atempadamente números atualizados respeitantes ao estado de execução e às estimativas no tocante às dotações de pagamento para 2020.

Se os números mostrarem que as dotações inscritas no orçamento para 2020 são insuficientes para cobrir as necessidades, o Parlamento Europeu e o Conselho convidam a Comissão a apresentar, o mais rapidamente possível, uma solução adequada, designadamente um orçamento retificativo, de modo a que a autoridade orçamental possa tomar as decisões necessárias em tempo útil relativamente a necessidades justificadas. Se aplicável, o Parlamento Europeu e o Conselho terão em conta a urgência da matéria. No que se refere ao Conselho, tal poderá implicar uma redução do prazo de oito semanas para a tomada de uma decisão, se tal for considerado necessário.

 

2.3 Declaração conjunta do Parlamento Europeu, do Conselho e da Comissão sobre a Iniciativa para o Emprego dos Jovens

O Parlamento Europeu, o Conselho e a Comissão recordam que a redução do desemprego dos jovens continua a ser uma prioridade política importante e partilhada e, para o efeito, reafirmam a sua determinação em utilizar da melhor forma possível os recursos orçamentais disponíveis para fazer face a esse problema, em particular através da Iniciativa para o Emprego dos Jovens (IEJ).

O Parlamento Europeu e o Conselho convidam a Comissão a observar de perto a evolução da execução desta iniciativa e a apresentar um relatório até 30 de junho de 2020.

Caso a avaliação da Comissão confirme a necessidade de um aumento da dotação da IEJ, a Comissão apresentará em paralelo um projeto de orçamento retificativo para aumentar a dotação específica da IEJ em 50 milhões de EUR.

O Parlamento Europeu e o Conselho comprometem-se a tratar rapidamente um eventual projeto de orçamento retificativo para 2020 apresentado pela Comissão.

 

2.4. Declaração unilateral da Comissão sobre a Iniciativa para o Emprego dos Jovens

O aumento da dotação específica da IEJ exige uma alteração técnica do Regulamento Disposições Comuns.

Tal como nos anos anteriores, esta alteração será estritamente limitada às modificações necessárias para ter em conta a dotação adicional da IEJ e não terá qualquer impacto na execução da política de coesão.

2.5. Declaração unilateral da Comissão sobre a aproximação do objetivo de 20 % de despesas relacionadas com o clima em 2014-2020

A Comissão acompanhará de perto a execução do orçamento no decurso de 2020. Em caso de subexecução nas rubricas pertinentes, a Comissão apresentará as propostas orçamentais adequadas para reforçar, sempre que possível, as despesas relacionadas com o clima.


PROCESSO DA COMISSÃO COMPETENTE QUANTO À MATÉRIA DE FUNDO

Título

General budget of the European Union for the financial year 2020

Referências

00000/2019 – C9-0000/2019 – 2019/2020(BUD)

Presidente da delegação: Presidente

David Maria Sassoli

Comissão competente quanto ao fundo
 Presidente

BUDG
Johan Van Overtveldt

Relator(es)

Monika Hohlmeier

Eider Gardiazabal Rubial

Projetos de ato examinados

COM(2019)0400, COM(2019)0487

Posição do Conselho
 Data de aprovação

 Data de comunicação em sessão

11374/2019 – C9-0119/2019

5.9.2019

16.9.2019

Data da posição do PE

23.10.2019

P9_TA(2019)0038

Data da carta do Conselho sobre a não aprovação das alterações do PE

23.10.2019

Reuniões do Comité de Conciliação

4.11.2019

15.11.2019

18.11.2019

 

Data de aprovação pela delegação do Parlamento, nos termos do artigo 314.º, n.º 5, do TFUE

18.11.2019

Deputados presentes

Rasmus Andresen, Clotilde Armand, Erik Bergkvist, Olivier Chastel, Lefteris Christoforou, David Cormand, José Manuel Fernandes, Eider Gardiazabal Rubial, Valerie Hayer, Monika Hohlmeier, Moritz Körner, Pierre Larrouturou, Margarida Marques, Andrey Novakov, Jan Olbrycht, Bogdan Rzońca, Nils Ušakovs, Johan Van Overtveldt, Angelika Winzig

Data do acordo em Comité de Conciliação

18.11.2019

Data da verificação, pelos copresidentes, da aprovação do projeto comum e respetiva transmissão ao PE e ao Conselho

18.11.2019

Data de entrega

20.11.2019

 

 

[1] Textos Aprovados, P9_TA(2019)0038.

[2] JO L 168 de 7.6.2014, p. 105.

[3] JO L 193 de 30.7.2018, p. 1.

[4] JO L 347 de 20.12.2013, p. 884.

[5] JO C 373 de 20.12.2013, p. 1.

Última actualização: 26 de Novembro de 2019Advertência jurídica