Lobistas e jornalistas acreditados 

Sessão plenária em Bruxelas © União Europeia 2018 - PE.  

Em 23 de junho de 2011, o Parlamento Europeu e a Comissão Europeia inauguraram um Registode Transparência público e conjunto, destinado a fornecer informações sobre quem procura influenciar as políticas europeias. Como se pretendia desde o início, o Registo inclui agora escritórios de advocacia, ONG e grupos de reflexão, bem como os lobistas tradicionais.


Em novembro de 2018, estavam inscritas 11 912 entidades no Registo, 7 246 das quais eram pessoas acreditadas junto do Parlamento Europeu. A inscrição neste Registo é obrigatória para se obter um cartão de acesso como lobista ao Parlamento Europeu.


Em 16 de abril de 2018, o Parlamento Europeu, a Comissão e o Conselho encetaram negociações sobre as novas regras comuns que trarão ainda mais transparência às atividades dos representantes de interesses ao nível da UE. O objetivo do novo acordo interinstitucional proposto consiste igualmente em incluir o Conselho no âmbito do registo dos lobistas, uma vez que, até à data, se manteve apenas como observador do sistema.