Partilhar esta página: 

O Ano Europeu do Património Cultural pretende dar visibilidade à diversidade, à história comum e à riqueza cultural na União Europeia.

O património cultural desempenha um papel importante na história e na identidade dos países europeus. E é essencial para a economia europeia: a promoção dos nossos tesouros culturais promove o crescimento e o emprego.

Estima-se que 300 000 pessoas trabalhem em atividades relacionadas com a promoção e a proteção do património cultural na UE e que o sector seja responsável indiretamente pela criação de 7,8 milhões de postos de trabalho (Comissão Europeia).

O Ano Europeu do Património Cultural pretende dar visibilidade ao contributo das tradições culturais na economia e sociedade e promover a cultura como um importante elemento da presença internacional da UE. A promoção do valor do património cultural  também é uma resposta direta à destruição deliberada de património cultural no Médio Oriente nos últimos anos.

Ao longo do ano, serão organizados eventos e atividades em toda a Europa. Consulte a lista de eventos por pais aqui.

Europeus defendem importância do património cultural

Segundo um estudo de opinião Eurobarómetro publicado em dezembro de 2017, mais de oito em cada dez europeus entrevistados defendem que o património cultural é importante para a sua comunidade e para a UE.