Partilhar esta página: 

A vice-presidente do Parlamento Europeu, Mairead McGuinness, anunciou que o presidente Tajani escreveu uma carta condenando as imagens simuladas de eurodeputados polacos enforcados.

Vários eurodeputados expressaram a sua indignação face à simulação de enforcamento de seis eurodeputados polacos, referindo-se às imagens que foram expostas em Cracóvia no passado fim-de-semana. A vice-presidente do PE, Mairead McGuinness, que presidiu à abertura da sessão plenária que decorre hoje e amanhã em Bruxelas, informou os parlamentares de que o presidente Antonio Tajani reagiu de imediato, tendo pedido, numa carta, que a primeira-ministra da Polónia, Beata Szydło, garanta a segurança e a liberdade de expressão dos eurodeputados.

Alterações à agenda

- O PE acrescentou à agenda de quinta-feira a votação de um relatório da comissão parlamentar dos Assuntos Jurídicos que recomenda ao PE que mantenha a imunidade de Ana Gomes no âmbito de um processo relacionado com declarações feitas pela eurodeputada sobre a venda do ferryboat Atlântida. Ler mais

- O debate com a Comissão sobre o segundo pacote de medidas em matéria de equidade fiscal, previsto para quarta-feira, foi adiado

- Foi acrescentado à agenda de quarta-feira um debate com a Comissão sobre as inundações mortíferas em Ática e a ajuda às vítimas da catástrofe

- Foi acrescentada à agenda de quinta-feira a votação de um relatório sobre a mobilização da margem para imprevistos em 2017

Anúncio da abertura de negociações com o Conselho

Os pedidos das comissões parlamentares para encetarem negociações interinstitucionais, ao abrigo do Artigo 69.º-C do Regimento do Parlamento Europeu, estão publicados na página Web da sessão plenária (ver caixa “Informações e documentos prioritários”).