Partilhar esta página: 

Juncker proferiu hoje o seu quarto e último discurso sobre o estado da União perante o PE 

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, apelou à UE para que se exprima a uma só voz na cena mundial, defenda os seus valores e vire as costas ao veneno do nacionalismo.

No seu discurso sobre o estado da União, proferido esta manhã no Parlamento Europeu (PE), em Estrasburgo, Juncker anunciou novas iniciativas para reforçar a Europa da defesa, otimizar a proteção das fronteiras externas da UE e fortalecer o euro enquanto moeda internacional. O discurso do presidente da Comissão está disponível aqui.

O presidente do PE, Antonio Tajani, declarou: “O Parlamento Europeu deseja, mais do que nunca, estar no coração da democracia. Devemos atribuir o poder de iniciativa ao Parlamento Europeu. Somos o único parlamento do mundo que não pode iniciar legislação”.

Quanto a África, Tajani disse que a ação da UE está a ir na boa direção, mas são necessários mais recursos - pelo menos 50 mil milhões de euros - “para oferecer oportunidades aos africanos nos seus países e travar a migração”.

Clique nos links para ver os vídeos da primeira ronda de intervenções no debate

Jean-Claude JUNCKER, presidente da Comissão Europeia (1ª parte)

Jean-Claude JUNCKER (2ª parte)

Jean-Claude JUNCKER (3ª parte)

Antonio TAJANI, presidente do Parlamento Europeu

Manfred WEBER (PPE, DE)

Udo BULLMANN (S&D, DE)

Ryszard Antoni LEGUTKO (ECR, PL)

Guy VERHOFSTADT (ALDE, BE)

Ska KELLER (Verdes/ALE, DE)

Gabriele ZIMMER (CEUE/EVN, DE)

Nigel FARAGE (EFDD, UK)

Nicolas BAY (ENF, FR)

Outros oradores

Vídeo completo do debate em plenário, incluindo intervenções de eurodeputados portugueses