PROPOSTA DE RESOLUÇÃO
PDF 156kWORD 58k
14.12.2015
PE574.517v01-00
 
B8-1447/2015

apresentada nos termos do artigo 133.º do Regimento


sobre as medidas de controlo para bloquear o comércio de arroz de plástico da China, extremamente prejudicial para a saúde dos cidadãos europeus


Mara Bizzotto

Proposta de resolução do Parlamento Europeu sobre as medidas de controlo para bloquear o comércio de arroz de plástico da China, extremamente prejudicial para a saúde dos cidadãos europeus  
B8-1447/2015

O Parlamento Europeu,

–  Tendo em conta o artigo 133.º do seu Regimento,

A.  Considerando que a presença de arroz sintético na China, Indonésia, Filipinas, Singapura, Índia e Vietname, que já causou graves problemas de saúde pública aos consumidores asiáticos;

B.  Considerando que este arroz de plástico é muito semelhante às variedades tradicionais de arroz, sendo, porém, feito à base de fécula de batata natural combinado com copolímeros de estireno-acrilonitrila (SAN), um plástico que é utilizado como isolante térmico na embalagem de alimentos;

C.  Considerando que, para bloquear o comércio deste arroz artificial altamente nocivo, o Presidente das Filipinas ordenou a criação de uma equipa especial composta por elementos de diferentes organismos governamentais a fim de identificar as empresas que o produzem, e que a autoridade das Filipinas responsável pela segurança dos alimentos se empenha igualmente em verificar a qualidade do arroz (através de um espetroscópio que permite detetar os grãos de arroz falsificados que se encontram misturados com outras variedades de arroz presentes no comércio);

1.  Convida a Comissão a tomar medidas urgentes de controlo do arroz importado da Ásia pela União Europeia e a considerar a possibilidade de restringir as importações provenientes da China, a fim de proteger a saúde dos consumidores europeus posta em perigo pela presença no mercado desse arroz de plástico misturado com outras variedades naturais.

Dados pessoais - Política de privacidade