<Date>{07/02/2020}7.2.2020</Date>
<NoDocSe>B9‑0097/2020</NoDocSe>
PDF 131kWORD 42k

<TitreType>PROPOSTA DE RESOLUÇÃO</TitreType>

<TitreRecueil>apresentada nos termos do artigo 143.º do Regimento</TitreRecueil>


<Titre>sobre o apoio ao plano de paz para Israel e a Palestina</Titre>


<Depute>Jaak Madison, Lars Patrick Berg, Anna Bonfrisco, Paolo Borchia, Marco Campomenosi, Massimo Casanova, Susanna Ceccardi, Angelo Ciocca, Gianantonio Da Re, Marco Dreosto, Nicolaus Fest, Roman Haider, Teuvo Hakkarainen, Laura Huhtasaari, Peter Kofod, Joachim Kuhs, Georg Mayer, Jörg Meuthen, Alessandro Panza, Luisa Regimenti, Antonio Maria Rinaldi, Silvia Sardone, Hermann Tertsch, Isabella Tovaglieri, Harald Vilimsky, Stefania Zambelli, Marco Zanni, Milan Zver</Depute>


B9‑0097/2020

Proposta de resolução do Parlamento Europeu sobre o apoio ao plano de paz para Israel e a Palestina

O Parlamento Europeu,

 Tendo em conta a declaração, de 28 de janeiro de 2020, do vice-presidente da Comissão/alto representante da União para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança, Josep Borrell, em nome da União Europeia, sobre o processo de paz no Médio Oriente,

 Tendo em conta o plano de paz para Israel e a Palestina proposto pelo presidente dos EUA, Donald Trump, em janeiro de 2020, intitulado «Peace to Prosperity: A Vision to Improve the Lives of the Palestinian and Israeli People» (A paz para a prosperidade: uma perspetiva para melhorar a vida dos povos israelita e palestiniano),

 Tendo em conta o artigo 143.º do seu Regimento,

A. Considerando a posição da UE, há muito estabelecida, de apoiar uma solução assente na coexistência de dois Estados, a única forma de pôr termo ao conflito israelo-palestiniano;

B. Considerando que o plano de paz para Israel e a Palestina, apresentado pelo presidente dos EUA, Donald Trump, propõe um quadro político e económico para uma paz duradoura na região, nomeadamente uma solução assente na coexistência de dois Estados;

1. Insta a UE e os seus Estados-Membros a apoiarem o plano de paz para Israel e a Palestina proposto pelo presidente Trump, a fim de lograr uma solução pacífica para este conflito que dura há demasiado tempo.

 

Última actualização: 21 de Fevereiro de 2020Dados pessoais - Política de privacidade