Index 
 Anterior 
 Seguinte 
 Texto integral 
Debates
Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008 - Bruxelas Edição JO

9. Aprovação da acta
PV
  

(A acta da sessão anterior é aprovada)

 
  
MPphoto
 
 

  Nigel Farage (IND/DEM). – (EN) Senhor Presidente, a acta do período de sessões anterior regista a intervenção na qual o Senhor Presidente mencionou os incidentes que tiveram lugar em Estrasburgo, em Dezembro. Desde então, nos termos do artigo 147º do nosso venerado Regimento, já chamou 13 deputados deste Parlamento a enfrentar acções disciplinares.

Parece-me que tudo tem sido feito de uma forma bastante arbitrária. Duvido que uma das pessoas chamadas – a senhora deputada Sinnott do nosso Grupo – alguma vez tenha gritado seja com quem for na sua vida. Outro dos deputados que chamou a apresentar-se no “gabinete do reitor” – um deputado austríaco – estava, na verdade, em Francoforte naquele dia, deve, por isso, ter um vozeirão, não?

Por que razão apenas 13? Éramos cerca de 80, envolvidos nesses chamados distúrbios. Com efeito, na reunião da Conferência dos Presidentes, V. Exa. incluiu-me entre os causadores dos distúrbios e por isso pergunto: por que não estou eu a ser punido? Eu sou Spartacus!

(Gritos de”Eu sou Spartacus!” de deputados do Grupo IND/DEM)

 
  
MPphoto
 
 

  Presidente. − Tinha pedido que comentassem as Actas. Esperava que o presidente do grupo IND/DEM entendesse as palavras do Presidente e centrasse as suas observações nas Actas. Manifestamente não foi o caso, pelo que passaríamos adiante.

 
Aviso legal - Política de privacidade