Index 
 Anterior 
 Seguinte 
 Texto integral 
Processo : 2008/0193(COD)
Ciclo de vida em sessão
Ciclo relativo ao documento : A7-0032/2010

Textos apresentados :

A7-0032/2010

Debates :

PV 18/10/2010 - 13
CRE 18/10/2010 - 13

Votação :

PV 20/10/2010 - 6.5
CRE 20/10/2010 - 6.5
Declarações de voto
Declarações de voto

Textos aprovados :

P7_TA(2010)0373

Debates
Quarta-feira, 20 de Outubro de 2010 - Estrasburgo Edição JO

6.5. Melhoria da segurança e da saúde das trabalhadoras grávidas, puérperas ou lactantes no trabalho (A7-0032/2010, Edite Estrela) (votação)
PV
 

- Antes da votação sobre as alterações 50 e 125:

 
  
MPphoto
 

  Carl Schlyter (Verts/ALE).(SV) Há vários erros de tradução na versão sueca deste relatório. Entre outras coisas, há uma confusão entre os termos barnledighet (licença parental) e mana mmaledighet (licença de maternidade). No entanto, na alteração 125 em particular, há um erro de tradução muito grave. A versão sueca da alteração 125 diz que a licença de paternidade deve ser paga integralmente. Nas outras versões não se diz isto, o que significa que não há nenhuma diferença entre a alteração 50 e a alteração 125 na versão sueca. Seria bom que isso fosse corrigido.

 
Aviso legal - Política de privacidade