Връщане към портала Europarl

Choisissez la langue de votre document :

  • bg - български
  • es - español
  • cs - čeština
  • da - dansk
  • de - Deutsch
  • et - eesti keel
  • el - ελληνικά
  • en - English
  • fr - français
  • ga - Gaeilge
  • hr - hrvatski
  • it - italiano
  • lv - latviešu valoda
  • lt - lietuvių kalba
  • hu - magyar
  • mt - Malti
  • nl - Nederlands
  • pl - polski
  • pt - português (селекциониране)
  • ro - română
  • sk - slovenčina
  • sl - slovenščina
  • fi - suomi
  • sv - svenska
Този документ не е достъпен за справка на Вашия език и Ви се предлага на един от горепосочените езици

 Показалец 
 Пълен текст 
Debates
Quarta-feira, 9 de Outubro de 2013 - Estrasburgo Edição revista

Quitação 2011: Conselho Europeu e Conselho (A7-0310/2013 - Andrea Češková)
MPphoto
 
 

  João Ferreira (GUE/NGL), por escrito. Este é o segundo relatório sobre a quitação do orçamento da UE para o exercício de 2011 referente às contas do Conselho Europeu e do Conselho. Tal como no primeiro relatório, a relatora recusa dar quitação pela execução do orçamento do Conselho Europeu e do Conselho para o exercício de 2011. Esta é uma velha questão e as razões para a recusa mantêm-se. A falta de transparência e de resposta aos pedidos do Parlamento Europeu em relação a diversas questões: adjudicação de contratos públicos; decisões internas do Conselho; compra de edifícios... Para além disso, o Conselho teve três meses para responder às perguntas da resolução do Parlamento Europeu, que acompanhou a decisão de adiar a quitação (primeiro relatório). Até agora, o Conselho não fez nenhum esforço para responder às perguntas do Parlamento Europeu ou para chegar a um acordo sobre o processo de quitação para o seu orçamento. Perante isso, a relatora propõe que o Parlamento use as suas prerrogativas e recuse a quitação.

 
Правна информация - Политика за поверителност