Grįžti į portalą Europarl

Choisissez la langue de votre document :

  • bg - български
  • es - español
  • cs - čeština
  • da - dansk
  • de - Deutsch
  • et - eesti keel
  • el - ελληνικά
  • en - English
  • fr - français
  • ga - Gaeilge
  • hr - hrvatski
  • it - italiano
  • lv - latviešu valoda
  • lt - lietuvių kalba
  • hu - magyar
  • mt - Malti
  • nl - Nederlands
  • pl - polski
  • pt - português (atrinkta)
  • ro - română
  • sk - slovenčina
  • sl - slovenščina
  • fi - suomi
  • sv - svenska
Šio dokumento jūsų kalba nėra. Prašome pasirinkti kitą kalbą kalbų parinkties juostoje.

 Rodyklė 
 Visas tekstas 
Debates
Quarta-feira, 20 de Novembro de 2013 - Estrasburgo Edição revista

Mobilização do Instrumento de Flexibilidade - o financiamento dos programas dos Fundos Estruturais cipriotas (A7-0388/2013 - Jean-Luc Dehaene)
MPphoto
 
 

  João Ferreira (GUE/NGL), por escrito. A mobilização do instrumento de flexibilidade visa complementar o financiamento do orçamento geral da UE em 2014, para além do limite máximo da rubrica 1b (coesão) para financiar os programas dos fundos estruturais de Chipre. Os montantes são irrisórios face às necessidades existentes e as opções estruturais para as políticas de coesão mantêm-se, quando, como temos repetidamente afirmado, é necessário um aumento substancial de pelo menos o dobro dos montantes atuais e de uma mudança nos seus objetivos para financiar políticas de efetiva promoção da coesão económica e social. Votámos favoravelmente este relatório tendo em conta que em alguns casos estas verbas poderão ajudar a aliviar uma situação social que é dramática. Rejeitamos a chantagem exercida para receber os fundos que tanto no caso de Chipre, como no caso de Portugal (ambos os países têm os chamados memorandos de entendimento), visam impor o aprofundamento de políticas contrárias às necessidades e aspirações dos seus povos, da sua soberania, com o objetivo claro de criar as condições para melhor explorá-los e explorar os recursos dos seus países.

 
Teisinė informacija - Privatumo politika