Vissza az Europarl portálra

Choisissez la langue de votre document :

  • bg - български
  • es - español
  • cs - čeština
  • da - dansk
  • de - Deutsch
  • et - eesti keel
  • el - ελληνικά
  • en - English
  • fr - français
  • ga - Gaeilge
  • hr - hrvatski
  • it - italiano
  • lv - latviešu valoda
  • lt - lietuvių kalba
  • hu - magyar
  • mt - Malti
  • nl - Nederlands
  • pl - polski
  • pt - português (kiválasztva)
  • ro - română
  • sk - slovenčina
  • sl - slovenščina
  • fi - suomi
  • sv - svenska
Ez a dokumentum nem elérhető az Ön által választott nyelven. Válasszon másik nyelvet a felsoroltak közül.

 Index 
 Teljes szöveg 
Debates
Terça-feira, 10 de Dezembro de 2013 - Estrasburgo Edição revista

Calendário dos leilões de licenças de emissão de gases com efeito de estufa (A7-0046/2013 - Matthias Groote)
MPphoto
 
 

  João Ferreira (GUE/NGL), por escrito. Este relatório, reconhecendo a ineficácia (e implicitamente a perversidade) do instrumento, não propõe o seu abandono, como se impunha e como temos defendido insistentemente. A emissão de licenças de emissão de gases com efeito de estufa, o comércio de quotas de poluição apenas servem os grandes poluidores, com capacidade para comprar as licenças. A alteração proposta trata-se apenas de um remendo. Reduzem ou atrasam a emissão de licenças, já que a oferta é atualmente muito superior à procura, tendo o preço do carbono diminuído de cerca de 30 EUR/t CO2 para cerca de 7 EUR/t CO2. Lá se foram os prometidos incentivos à implementação das tecnologias hipocarbónicas. Além disso, este relatório apenas defende a adoção de tais medidas em circunstâncias excecionais e que a decisão de adaptar o calendário dos leilões seja executada apenas uma vez no terceiro período de comercialização do regime de comércio de licenças de emissão da UE (RCLE-UE). Não se trata, portanto, da defesa do meio ambiente, mas sim da defesa de um mercado em queda devido à falta de procura, consequência do estado em que muitas indústrias se encontram, com o fecho de milhares de fábricas. Como temos afirmado, trata-se da defesa de mais um esquema de geração de ativos financeiros fictícios.

 
Jogi nyilatkozat - Adatvédelmi szabályzat