Voltar ao portal Europarl

Choisissez la langue de votre document :

  • bg - български
  • es - español
  • cs - čeština
  • da - dansk
  • de - Deutsch
  • et - eesti keel
  • el - ελληνικά
  • en - English
  • fr - français
  • ga - Gaeilge
  • hr - hrvatski
  • it - italiano
  • lv - latviešu valoda
  • lt - lietuvių kalba
  • hu - magyar
  • mt - Malti
  • nl - Nederlands
  • pl - polski
  • pt - português (seleccionado)
  • ro - română
  • sk - slovenčina
  • sl - slovenščina
  • fi - suomi
  • sv - svenska
 Index 
 Texto integral 
Debates
Quinta-feira, 16 de Janeiro de 2014 - Estrasburgo Edição revista

Colocação no mercado para cultivo de um milho geneticamente modificado (B7-0007/2014)
MPphoto
 
 

  Maria do Céu Patrão Neves (PPE), por escrito. A presente proposta de resolução opõe-se a uma derrogação excecional que permita a colocação no mercado para cultivo de um milho (Zea mays L., linha 1507) geneticamente modificado para lhe conferir resistência a determinados lepidópteros. Sou a favor dessa derrogação e acompanho a posição do grupo PPE pelo que votei contra esta proposta de resolução que, no entanto, foi aprovada pelo Parlamento Europeu. Neste contexto sublinho que uma posição global fundamentalista por parte da União Europeia em relação aos transgénicos tem criado uma situação de forte desequilíbrio competitivo entre os agricultores europeus e, por exemplo, os norte-americanos, para além da incoerência que se prolonga de proibir o cultivo dos transgénicos no espaço europeu, mas importá-los de outros espaços geográficos, como o norte-americano, para alimento da nossa pecuária.

 
Aviso legal - Política de privacidade