Voltar ao portal Europarl

Choisissez la langue de votre document :

  • bg - български
  • es - español
  • cs - čeština
  • da - dansk
  • de - Deutsch
  • et - eesti keel
  • el - ελληνικά
  • en - English
  • fr - français
  • ga - Gaeilge
  • hr - hrvatski
  • it - italiano
  • lv - latviešu valoda
  • lt - lietuvių kalba
  • hu - magyar
  • mt - Malti
  • nl - Nederlands
  • pl - polski
  • pt - português (seleccionado)
  • ro - română
  • sk - slovenčina
  • sl - slovenščina
  • fi - suomi
  • sv - svenska
 Index 
 Texto integral 
Debates
Terça-feira, 25 de Fevereiro de 2014 - Estrasburgo Edição revista

Serviços de transporte ferroviário de passageiros - Normalização de contas das empresas de caminho de ferro - Agência Ferroviária da União Europeia - Espaço ferroviário europeu único - Segurança ferroviária - Interoperabilidade do sistema ferroviário (continuação do debate)
MPphoto
 

  João Ferreira (GUE/NGL), Pergunta segundo o procedimento "cartão azul". – Senhor Presidente, ficámos aqui a ouvir algumas das reservas expressas pelo colega relativamente a este pacote ferroviário. Mas a verdade é que o Grupo dos Socialistas tem apoiado o caminho de liberalização que tem sido feita, designadamente os anteriores pacotes ferroviários. E a pergunta que lhe queria fazer era... Defendeu aqui a separação do gestor da infraestrutura, pelo menos a que existe. Que avaliação faz, por exemplo, do aumento brutal dos custos de operação com a separação que foi feita? Ou que avaliação faz do encerramento de inúmeras estações secundárias desde que a abertura foi feita?

 
Aviso legal - Política de privacidade