Powrót na stronę Europarl

Choisissez la langue de votre document :

  • bg - български
  • es - español
  • cs - čeština
  • da - dansk
  • de - Deutsch
  • et - eesti keel
  • el - ελληνικά
  • en - English
  • fr - français
  • ga - Gaeilge
  • hr - hrvatski
  • it - italiano
  • lv - latviešu valoda
  • lt - lietuvių kalba
  • hu - magyar
  • mt - Malti
  • nl - Nederlands
  • pl - polski
  • pt - português (wybrano)
  • ro - română
  • sk - slovenčina
  • sl - slovenščina
  • fi - suomi
  • sv - svenska
Ten dokument nie jest dostępny w Państwa języku i został zaproponowany w innym języku spośród dostępnych w pasku języków.

 Indeks 
 Pełny tekst 
Debates
Quarta-feira, 2 de Abril de 2014 - Bruxelas Edição revista

Ensaios clínicos de medicamentos para uso humano (debate)
MPphoto
 

  Maria do Céu Patrão Neves (PPE). - Eu queria começar por agradecer ao relator deste relatório e também aos relatores-sombra pelo magnífico trabalho que fizeram. De facto, o trabalho deste Parlamento melhorou muito significativamente aquilo que era a proposta inicial. Sobre as vantagens da proposta da Comissão no que diz respeito à celeridade dos processos, à poupança de custos e, de uma forma geral, ao estabelecimento de condições que promovem a investigação científica, sobre estas questões já foi dito suficiente. Aquilo que importa aqui reforçar também é que havia uma negligência de requisitos éticos que a diretiva de 2001 tinha colocado no papel de uma forma muito veemente e que nós tínhamos perdido com a proposta da Comissão.

Penso que o equilíbrio foi restabelecido pelo trabalho do Parlamento e queria deixar aqui um reparo para o facto de, no futuro, não só agora mas no futuro, ser sempre importante progredirmos na investigação científica, mas não esquecermos aquilo que são as salvaguardas éticas que protegem também os participantes na investigação.

 
Informacja prawna - Polityka ochrony prywatności