Please fill this field
Margarida MARQUES Margarida MARQUES
Margarida MARQUES

Groupe de l'Alliance Progressiste des Socialistes et Démocrates au Parlement européen

Membre

Portugal - Partido Socialista (Portugal)

Date de naissance : , Bombarral

Accueil Margarida MARQUES

Vice-présidente

BUDG
Commission des budgets

Membre

INTA
Commission du commerce international
D-CN
Délégation pour les relations avec la République populaire de Chine
DMED
Délégation à l'Assemblée parlementaire de l'Union pour la Méditerranée

Membre suppléante

ECON
Commission des affaires économiques et monétaires
DMAG
Délégation pour les relations avec les pays du Maghreb et l’Union du Maghreb arabe, y compris les commissions parlementaires mixtes UE-Maroc, UE-Tunisie et UE-Algérie

Dernières activités

25 ans après la déclaration et le programme d'action de Beijing: les défis en perspective pour les droits des femmes (B9-0114/2021) PT

11-02-2021
Explications de vote écrites

Votei a favor desta resolução que recorda os muitos desafios, à escala global e europeia, que a igualdade de género enfrenta. Na 4a Conferência Mundial sobre a Mulher, Pequim 1995, 189 governos comprometeram-se a trabalhar em prol da igualdade de género e da emancipação de todas as mulheres e raparigas. Os progressos registados desde então têm sido inaceitavelmente lentos e os benefícios que foram conquistados estão em risco, inclusive em alguns EMs da UE. As desigualdades de género abrangem todos os aspetos do mercado de trabalho, incluindo as disparidades a nível do emprego, dos salários, das pensões e da prestação de cuidados, a falta de acesso a serviços sociais e à proteção social. A crise da COVID-19 evidenciou e acentuou uma clara dimensão de género, afetando de forma diferente mulheres e homens e agravando as desigualdades existentes. Registou-se um aumento tão importante da violência entre parceiros desde o inicio da pandemia que a ONU denomina-a «pandemia-sombra». O PE insta a Comissão e os EMs a elaborarem e implementarem planos e ações, dotados de um financiamento adequado, com base nos doze domínios de preocupação definidos na Plataforma de Ação de Pequim, tendo em vista o próximo Fórum Geração da Igualdade.

Stratégie européenne en matière de compétences en faveur de la compétitivité durable, de l'équité sociale et de la résilience (B9-0108/2021) PT

10-02-2021
Explications de vote écrites

Votei a favor desta resolução. Para o Parlamento Europeu a Nova Agenda de Competências deve assentar na qualidade das aprendizagens, uma agenda inclusiva e acessível para todos. As competências por si só não resolvem o desemprego, é necessária a criação de empregos de qualidade e sustentáveis. Precisamos de instrumentos europeus fortes com critérios de qualidade vinculativos que garantam condições de trabalho dignas, incluindo para estagiários e aprendizes (incluindo remuneração justa, acesso à proteção social, emprego sustentável e direitos sociais), bem como instrumentos financeiros fortes, como o FSE + e os demais instrumentos para a recuperação económica e social da Europa.

Établissement de la facilité pour la reprise et la résilience (débat) PT

09-02-2021 P9_CRE-PROV(2021)02-09(2-053-0000)
Contributions aux débats en séance plénière
Margarida MARQUES
Margarida MARQUES

Sur EP NEWSHUB

RT @BrexitWatch_: COM will improve civil society’s role in trade complaints: 👉The trade complaint mechanism puts claims on sustainable development & market access on the same lvl 👉Less-resourced stakeholders will be helped More details on @DRedonnet intervention ➡️ https://t.co/SyjptIoUpp  https://t.co/r3b8229V2n 

Mais um. E este era um dos que olhávamos com muita atenção. O Parlamento está mesmo a fechar para novas eleições... @PSnaEuropa https://t.co/24HeW9qlOG 

https://t.co/jCZ5YfXWFr 

Contact

Bruxelles

Strasbourg