Maria da Graça CARVALHO Maria da Graça CARVALHO
Maria da Graça CARVALHO

Groupe du Parti populaire européen (Démocrates-Chrétiens)

Membre

Portugal - Partido Social Democrata (Portugal)

Accueil Maria da Graça CARVALHO

Vice-présidente

PECH
Commission de la pêche

Membre

ITRE
Commission de l'industrie, de la recherche et de l'énergie
FEMM
Commission des droits des femmes et de l'égalité des genres
D-US
Délégation pour les relations avec les États-Unis

Membre suppléante

IMCO
Commission du marché intérieur et de la protection des consommateurs
DCAM
Délégation pour les relations avec les pays d'Amérique centrale
DCAS
Délégation aux commissions de coopération parlementaire UE-Kazakhstan, UE-Kirghizstan, UE-Ouzbékistan et UE-Tadjikistan, et pour les relations avec le Turkménistan et la Mongolie
DLAT
Délégation à l'Assemblée parlementaire euro-latino-américaine

Dernières activités

Invasion de l'Ukraine par la Russie: mesures temporaires en ce qui concerne les documents des conducteurs délivrés par l'Ukraine (C9-0201/2022) PT

07-07-2022
Explications de vote écrites

Estamos perante outro procedimento urgente decorrente da invasão russa à Ucrânia. Considerando que a maioria dos Estados-Membros concede a validade provisória dos documentos de condução ucranianos apenas por seis meses, com base na Convenção de Viena sobre Trânsito Rodoviário, e que os refugiados ucranianos começaram a chegar aos Estados-Membros de acolhimento a partir do final de fevereiro de 2022, a licença de condução de muitos deles perderá a validade já no final de agosto. Assim, a Comissão Europeia propôs resolver esta situação alinhando a validade das licenças de condução dos refugiados com a duração do estatuto de proteção temporária do titular da licença. Fomos capazes de introduzir ainda no documento salvaguardas contra fraudes e definir os requisitos mínimos de formação para motoristas profissionais de camiões e autocarros. Pela urgência em evitar-se esta lacuna para com os ucranianos a partir do final de agosto, data partir da qual vários refugiados ficariam sem documentos de condução válidos, votei a favor deste documento.

Assimilation de la violation des mesures restrictives de l’Union aux crimes visés à l’article 83, paragraphe 1, du TFUE (C9-0219/2022 - Juan Fernando López Aguilar) (vote) PT

07-07-2022
Explications de vote écrites

A identificação da violação de medidas restritivas da União enquanto crimes nos termos do artigo 83.º, n.º1, do TFUE visa garantir a implementação efectiva da política da União em matéria de medidas restritivas, incluindo as aplicadas à Rússia no contexto da sua guerra de agressão contra a Ucrânia. Permitirá igualmente a adopção de legislação secundária subsequente que estabeleça regras mínimas relativas à identificação e às penas para a violação de medidas restritivas da União.

Assistance macrofinancière exceptionnelle destinée à l'Ukraine (C9-0221/2022) PT

07-07-2022
Explications de vote écrites

A situação económica da Ucrânia deteriorou-se drasticamente na sequência da guerra de agressão da Rússia.
De acordo com dados enumerados pela proposta da Comissão, estima-se (não oficialmente) que o PIB da Ucrânia tenha diminuído entre 35 a 40 % entre março e abril em relação aos mesmos meses do ano anterior e que a inflação tenha aumentado para 18,0 % em maio, em relação ao período homólogo do ano anterior.
Esta guerra desencadeou ainda importantes necessidades de financiamento para o orçamento ucraniano, que se traduzem num défice substancial de financiamento externo.
Estamos por isso totalmente de acordo com esta assistência macrofinanceira suplementar à Ucrânia, que assume a forma de empréstimo de longo prazo, com caráter de urgência, no valor de mil milhões de euros, sendo que, desde o início deste ano, o apoio macrofinanceiro total da UE à Ucrânia eleva-se agora a 2,2 mil milhões de euros.
Esta assistência financeira complementa outros apoios nos domínios da ajuda humanitária, politicas de desenvolvimento, sector aduaneiro e da defesa, vindo no seguimento do Acordo de Associação UE-Ucrânia, que entrou em vigor em setembro de 2017.
Os 92,5% de votos favoráveis a esta proposta, expressam bem o apoio dos europeus à causa ucraniana.

Contact

Bruxelles

Parlement européen
Bât. ALTIERO SPINELLI
08E115
60, rue Wiertz / Wiertzstraat 60
B-1047 Bruxelles/Brussel
Strasbourg

Parlement européen
Bât. LOUISE WEISS
T09082
1, avenue du Président Robert Schuman
CS 91024
F-67070 Strasbourg Cedex