Audições: Várhelyi, Breton e Vălean respondem às questões dos eurodeputados 

 
 

Partilhar esta página: 

Os comissários indigitados Olivér Várhelyi (Hungria), Adina-Ioana Vălean (Roménia) e Thierry Breton (França) vão ser ouvidos no Parlamento Europeu, na quinta-feira.

Olivér Várhelyi (Hungria), Adina-Ioana Vălean (Roménia) e Thierry Breton (França)  

Antes de o Parlamento Europeu votar na nova Comissão Europeia, liderada por Ursula von der Leyen, as comissões parlamentares têm de aferir a aptidão dos comissários indigitados.


A Comissão dos Assuntos Jurídicos identificou que existiam conflitos de interesse com dois candidatos indigitados anteriormente - László Trócsányi (Hungria) e Rovana Plumb (Roménia) - e Sylvie Goulard (França) não recebeu o apoio das Comissões do Mercado Interno e Proteção dos Consumidores e da Indústria, Investigação e Energia para o posto de comissária para o Mercado Interno.


Cada candidato será inquirido durante uma audição com uma duração de três horas, com a Comissão ou as Comissões respetivas, e que será transmitida via live stream.


Saiba mais sobre o processo que envolve as audições.

Audições na quinta-feira, 14 de novembro