16

Resultado(s)

Palavra(s)
Tipo de publicação
Domínio de intervenção
Palavra-chave
Data

The potential of hydrogen for decarbonising steel production

14-12-2020

The iron and steel industry is a major contributor to the overall anthropogenic CO2 emissions worldwide, and therefore a significant driver of climate change. This paper explores the possible options for decarbonising iron and steel production processes, focusing on the use of renewable hydrogen as an alternative to fossil coal. It explains the basic physical and chemical differences between the two alternative processes, their cost structures and potential for further cost reductions, as well as ...

The iron and steel industry is a major contributor to the overall anthropogenic CO2 emissions worldwide, and therefore a significant driver of climate change. This paper explores the possible options for decarbonising iron and steel production processes, focusing on the use of renewable hydrogen as an alternative to fossil coal. It explains the basic physical and chemical differences between the two alternative processes, their cost structures and potential for further cost reductions, as well as the larger implications and longer-term consequences of switching to hydrogen in this key industrial sector.

What if smartphones could help contain COVID-19?

24-03-2020

In recent years, smartphones have increasingly attracted attention as a key tools in emergency and disaster situations. Almost all smartphones are nowadays equipped with GPS sensors that can track the location of their owners. Comparing the location history of infected individuals with the location history of all other Smartphone users (tested positive or not yet tested) could help health authorities gain much better understanding of where the transmission might have occurred, and who else should ...

In recent years, smartphones have increasingly attracted attention as a key tools in emergency and disaster situations. Almost all smartphones are nowadays equipped with GPS sensors that can track the location of their owners. Comparing the location history of infected individuals with the location history of all other Smartphone users (tested positive or not yet tested) could help health authorities gain much better understanding of where the transmission might have occurred, and who else should be tested with urgency, avoiding the further spread of the infection.

What if hydrogen could help decarbonise transport?

22-11-2019

Cheap hydrogen produced with excess electricity from fluctuating renewable energy sources such as wind could help fuel-cell technology to break into the mainstream. This could at the same time further boost the competitiveness of wind and solar energy production

Cheap hydrogen produced with excess electricity from fluctuating renewable energy sources such as wind could help fuel-cell technology to break into the mainstream. This could at the same time further boost the competitiveness of wind and solar energy production

What if we let consumer electricity prices fluctuate?

10-01-2019

Electricity production from renewable sources such as wind and solar energy is expanding rapidly in Europe and around the world. However, integrating these fluctuating sources into the grid is increasingly becoming a challenge for grid operators that need to match electricity supply with demand. Switching over to a new electricity market system where the demand would better adapt to the supply could be crucial for the success of the transition towards a low-carbon society.

Electricity production from renewable sources such as wind and solar energy is expanding rapidly in Europe and around the world. However, integrating these fluctuating sources into the grid is increasingly becoming a challenge for grid operators that need to match electricity supply with demand. Switching over to a new electricity market system where the demand would better adapt to the supply could be crucial for the success of the transition towards a low-carbon society.

What if we were to travel on levitating trains?

12-04-2018

Magnetic levitation-based transport might be about to enter our lives, providing for faster, safer and more energy-efficient journeys. As it will enable longer distances to be covered more rapidly and cleanly, could it affect where we choose to live?

Magnetic levitation-based transport might be about to enter our lives, providing for faster, safer and more energy-efficient journeys. As it will enable longer distances to be covered more rapidly and cleanly, could it affect where we choose to live?

Saúde pública

01-02-2018

O Tratado sobre o Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia (TFUE) reforçou a importância da política de saúde, ao estipular que «na definição e execução de todas as políticas e ações da União será assegurado um elevado nível de proteção da saúde» (artigo 168.º, n.º 1, do TFUE). A responsabilidade pela proteção da saúde e, em especial, pelos próprios sistemas de saúde continua a caber, em primeiro lugar, aos Estados-Membros. No entanto, a UE tem um papel importante a desempenhar na melhoria ...

O Tratado sobre o Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia (TFUE) reforçou a importância da política de saúde, ao estipular que «na definição e execução de todas as políticas e ações da União será assegurado um elevado nível de proteção da saúde» (artigo 168.º, n.º 1, do TFUE). A responsabilidade pela proteção da saúde e, em especial, pelos próprios sistemas de saúde continua a caber, em primeiro lugar, aos Estados-Membros. No entanto, a UE tem um papel importante a desempenhar na melhoria da saúde pública, na prevenção e gestão das doenças, na minimização das fontes de perigo para a saúde humana e na harmonização das estratégias de saúde entre Estados-Membros. A UE implementou com sucesso uma política abrangente, através da estratégia «Saúde para o Crescimento» e do seu terceiro programa de ação da União no domínio da saúde (2014-2020), bem como de um conjunto de atos de direito derivado. O programa EU4Health vai continuar a atribuir financiamento durante o período de programação de 2021-2027.

Medicamentos e dispositivos médicos

01-02-2018

Os medicamentos e os dispositivos médicos estão sujeitos às regras do mercado único e têm um impacto direto na saúde das pessoas. O sólido quadro jurídico existente permite proteger a saúde pública e garantir a segurança destes produtos e cobre todo o seu ciclo de vida, dos ensaios e testes à vigilância e retirada de circulação, passando pela autorização de colocação no mercado. O acesso a medicamentos a preços acessíveis, a luta contra a resistência aos agentes antimicrobianos, a conduta ética nos ...

Os medicamentos e os dispositivos médicos estão sujeitos às regras do mercado único e têm um impacto direto na saúde das pessoas. O sólido quadro jurídico existente permite proteger a saúde pública e garantir a segurança destes produtos e cobre todo o seu ciclo de vida, dos ensaios e testes à vigilância e retirada de circulação, passando pela autorização de colocação no mercado. O acesso a medicamentos a preços acessíveis, a luta contra a resistência aos agentes antimicrobianos, a conduta ética nos ensaios clínicos e os incentivos à investigação e ao desenvolvimento são apenas algumas das questões fundamentais neste domínio de que a UE se ocupa. A fim de acompanhar os progressos científicos e tecnológicos e reagir às novas ameaças para a saúde, as medidas legislativas e políticas são objeto de uma avaliação e de um seguimento regulares.

Segurança dos alimentos

01-02-2018

A política europeia em matéria de segurança dos alimentos tem um duplo objetivo: proteger a saúde humana e os interesses dos consumidores e fomentar o bom funcionamento do mercado único europeu. Consequentemente, a União Europeia vela pelo estabelecimento e respeito de normas de controlo em matéria de higiene dos géneros alimentícios e dos alimentos para animais, saúde dos animais, fitossanidade e prevenção da contaminação de géneros alimentícios por substâncias externas. Além disso, a União regula ...

A política europeia em matéria de segurança dos alimentos tem um duplo objetivo: proteger a saúde humana e os interesses dos consumidores e fomentar o bom funcionamento do mercado único europeu. Consequentemente, a União Europeia vela pelo estabelecimento e respeito de normas de controlo em matéria de higiene dos géneros alimentícios e dos alimentos para animais, saúde dos animais, fitossanidade e prevenção da contaminação de géneros alimentícios por substâncias externas. Além disso, a União regula a rotulagem dos géneros alimentícios e dos alimentos para os animais.

Política ambiental: princípios gerais e quadro de base

01-02-2018

A política ambiental europeia baseia-se nos princípios da precaução, da prevenção e da correção da poluição na fonte, bem como no princípio do «poluidor-pagador». Os programas plurianuais de ação em matéria de ambiente instituem o quadro para a ação futura em todos os domínios da política ambiental. Esses programas estão integrados em estratégias horizontais e são tidos em conta nas negociações internacionais em matéria de ambiente. Por último, mas não menos importante, a sua execução é fundamental ...

A política ambiental europeia baseia-se nos princípios da precaução, da prevenção e da correção da poluição na fonte, bem como no princípio do «poluidor-pagador». Os programas plurianuais de ação em matéria de ambiente instituem o quadro para a ação futura em todos os domínios da política ambiental. Esses programas estão integrados em estratégias horizontais e são tidos em conta nas negociações internacionais em matéria de ambiente. Por último, mas não menos importante, a sua execução é fundamental.

Poluição atmosférica e poluição sonora

01-02-2018

A poluição atmosférica e o ruído excessivo afetam a nossa saúde e o nosso ambiente. A poluição atmosférica provém principalmente da indústria, dos transportes, da produção de energia e da agricultura. A estratégia da UE de 2013 em matéria de qualidade do ar visava lograr o respeito pleno, até 2020, da legislação em vigor em matéria de qualidade do ar e estabeleceu objetivos a longo prazo para 2030. No âmbito do Pacto Ecológico Europeu, a UE está a rever estas normas, a fim de as alinhar mais estreitamente ...

A poluição atmosférica e o ruído excessivo afetam a nossa saúde e o nosso ambiente. A poluição atmosférica provém principalmente da indústria, dos transportes, da produção de energia e da agricultura. A estratégia da UE de 2013 em matéria de qualidade do ar visava lograr o respeito pleno, até 2020, da legislação em vigor em matéria de qualidade do ar e estabeleceu objetivos a longo prazo para 2030. No âmbito do Pacto Ecológico Europeu, a UE está a rever estas normas, a fim de as alinhar mais estreitamente pelas recomendações da Organização Mundial da Saúde. A UE pretende igualmente melhorar a legislação global da UE em matéria de ar limpo, com base nos ensinamentos retirados da avaliação de 2019 («balanço de qualidade») das Diretivas «Qualidade do Ar Ambiente». A Diretiva «Ruído Ambiente», de 2002, ajuda a identificar os níveis de ruído na UE para que se tomem as medidas necessárias para os reduzir para níveis aceitáveis. Legislação distinta regulamenta a poluição sonora proveniente de fontes específicas.

Futuros eventos

07-09-2021
EPRS online policy roundtable: What is the future of (European) sovereignty?
Outro evento -
EPRS
08-09-2021
EPRS online policy roundtable: Statistics, Data and Trust: Why figures matter [...]
Outro evento -
EPRS
21-09-2021
EPRS online Book Talk with David Harley: Matters of Record: Inside European Politics
Outro evento -
EPRS

Parceiros